Juiz de Fora - MG

Da guerra para o sonho de disputar uma Copa do Mundo

Guilherme Smith relata que quer jogar a maior competição esportiva do globo após viver momentos difíceis na Ucrânia

por Isabella Oliveira - 09/07/2022

Quando iniciou sua caminhada no mundo do futebol, Guilherme Smith, de 19 anos, não imaginava que viveria momentos de tensão. Jogando pelo Zorya, da Ucrânia, o juiz-forano se viu no meio de uma guerra e só conseguiu deixar o país uma semana após o início do conflito. Passado o susto, Guilherme ficou duas semanas no Brasil, segundo ele, colocando a cabeça no lugar, ficando bem mentalmente para estar preparado para fazer o que mais ama que é jogar futebol.

No tempo em que ficou no país, ele conta que já estava em fase de negociações com um novo clube. A FIFA (Federação Internacional de Futebol Associado) anunciou em março que os atletas atuantes no futebol ucraniano e russo poderiam suspender seus contratos e se transferirem para outros times e foi exatamente o que Guilherme fez. Ele partiu para jogar no Braga de Portugal, experiência crucial para a carreira do jogador. “Foram três meses muito importantes pra mim, fui muito bem e estou muito feliz por ter uma família abençoada e por fazer o que eu amo”.

A expectativa de Smith para o futuro é conseguir disputar as maiores competições futebolísticas do mundo. “Coloco na minha mente que preciso jogar uma Copa do Mundo, e estar entre os melhores jogadores do planeta. Tenho só 19 anos e acredito que estou nesse caminho. Quero também jogar a Champions League, ser campeão dela e dar alegria para todos os brasileiros. Quero ouvi-los gritando o meu nome e comemorando uma Copa do Mundo que eu ajudei a conquistar”.

Ao ser questionado se voltaria a atuar na Ucrânia, Guilherme fala. “minha vida é movida com os propósitos de Deus e creio muito nele. O que ele tiver para a minha carreira e falar no meu coração é a decisão que vou tomar. Vamos ver o que vai ser” finaliza.

Segundo o pai de Guilherme, Luiz Cláudio - o Claudinho, a família prefere que o jogador volte para Portugal. Eles estão aguardando a proposta do Braga para que Guilherme retorne ao país, após o período de férias do futebol europeu.

Colaboração da Treinee Isabella Oliveira do 8° Período de Jornalismo do Centro Universitário Estácio Juiz de Fora


Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.