Baeta se despede de 2017 com empate sem gols

Matheus Brum Matheus Brum 22/05/2017

Não tinha resultado que representasse melhor o que foi este ano para o Tupynambás: insosso. A equipe foi até Nova Serrana enfrentar o Betinense, e saiu de lá com um empate sem gols. Assim como foi durante toda a competição, o alvirrubro não apresentou um grande futebol. Agora, é começar a pensar no planejamento para a próxima temporada.

Na primeira etapa, o Baeta foi melhor. Logo aos seis minutos, Ademilson marcou de cabeça, mas o bandeirinha assinalou impedimento. Ao longo dos primeiros 45 minutos, o time de Juiz de Fora perdeu boas oportunidades com Igor Balotelli e Assis.

No segundo tempo, o “Leão do Poço Rico” também não conseguiu inaugurar o placar. Com o passar o tempo, o Betinense se aventurava mais ao ataque, mas também não levava perigo.

Com o empate, o Baeta termina na última posição do Hexagonal Final do Módulo II do Campeonato Mineiro, com seis pontos. Ao longo da competição, foram, 20 jogos, com 7 vitórias, 4 empates e 9 derrotas, com 25 gols marcados e 24 sofridos.

Ficha Técnica – Betinense 0 vs 0 Tupynambás

Betinense: Thulio; Euler, Guilherme, Marcos e Gilben; Luis Gustavo (Thiago), Miguel, Magalhães e Andrey (João Victo); Léo Andrade (Elivelton) e Felipe Caldeira. Técnico: Rafael de Oliveira.

Tupynambás: César; Gustavo, José Leandro, Marcus Pinguim e Maicom (Thulio); Marcelo Brandão, Vinicius e Igor Henrique; Assis, Igor Balotelli e Ademilson. Técnico: Lúdyo Santos.

Arbitragem: Paulo César Zanovelli, auxiliado por Evandro Lacerda e Bernardo Souza

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.