• Assinantes
  • Autenticação
  • Fim de Ano
    Quinta-feira, 9 de dezembro de 2010, atualizada às 17h28

    Procura por alimentos típicos de Natal movimenta comércio do setor

    Aline Furtado
    Repórter
    Produtos típicos natalinos

    Comerciantes já verificam aumento na procura por alimentos típicos da ceia de Natal, como frutas secas, frutas cristalizadas, bacalhau, queijos, entre outros.

    De acordo com o proprietário de uma loja especializada, João Delmonte, desde o primeiros dias do mês de dezembro, ele vem percebendo aumento da demanda em 20%. "Mas é na semana que antecede o Natal que o movimento aumenta mesmo, até porque as pessoas deixam para comprar os alimentos mais perto da data, diferentemente dos presentes."

    Segundo Delmonte, entre os produtos mais procurados estão o bacalhau, as frutas secas, como amêndoas, nozes, castanhas e avelãs, além dos vinhos. "As pessoas que vêm até à loja relatam que as frutas secas não estão sendo encontradas com muita facilidade no mercado. Assim, a dica é não deixar para a última hora."

    O gerente de outro estabelecimento de produtos especializados, Pedro Paulo de Oliveira, lembra que a estabilidade do dólar tem feito com que os valores fiquem estagnados com relação ao ano passado. "Os preços estão bons, mas o consumidor deve ficar atento à qualidade dos produtos. O ideal é experimentar antes de levar, além de procurar saber a procedência e as condições do produto."

    Pesquisa

    De acordo com pesquisa realizada pela Secretaria de Agropecuária e Abastecimento (SAA), o quilo do bacalhau Porto pode apresentar variação de 68,6%, já que os preços pesquisados ficaram entre R$ 37,90 e R$ 63,90. Outro produto que tem boa procura são as nozes, que apresentam variação de 25,1%, com valores entre R$ 4,98 e R$ 6,23, a quantidade de 250 gramas.

    Produtos típicos natalinos Produtos típicos natalinos Produtos típicos natalinos
    Um dos produtos que apresentaram maior variação foram as frutas cristalizadas, com percentual de 146,4%. O valor mais barato é de R$ 1,25, enquanto o maior é de R$ 3,08. Outro produto pesquisado que apresentou alta variação foi o vinho de garrafão, que pode ser encontrado entre R$ 14,98 e R$ 29,90. A variação é de 130,35%.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.