Cãominhada é realizada mensalmente em Juiz de Fora
Proporcionar uma atividade física aos animais de
estimação favorece a saúde mental

Daniele Gruppi
Repórter
15/05/2008

Que tal levar o seu cão para um passeio ecológico? Mensalmente o adestrador, Luiz César de Sá, organiza uma cãominhada ecológica. Neste domingo, dia 18 de maio, acontece mais uma edição do evento, cuja concentração vai ser na Praça do Bom Pastor, às 08h15. Em seguida, os participantes vão se dirigir para um condomínio no bairro Retiro.

"Vão ser uma hora e quarenta minutos de passeio. Vamos passar por matas fechadas e subir montanha. O percurso termina numa granja. Lá os proprietários vão ser brindados com uma salada de fruta". A expectativa do organizador é contar com cerca de 15 animais. Podem participar cães de pequeno, médio e grande porte, independente da idade, tamanho ou raça.

Luiz César promove a cãominhada desde de 2004. "A intenção é fazer um trabalho que envolvesse o dono com o cachorro. Com a correria do dia-a-dia, as pessoas não têm tempo de curtir os animais", justifica.

O adestrador conta que em 2008, o governo estadual criou a lei 16.301 dizendo que algumas raças não poderiam sair em vias públicas. Houve, também, a publicação do decreto 4.417, dizendo que pit bull, rottweiler, doberman e outras raças com tamanho e forças semelhantes têm que usar focinheira e correntes e ainda serem cadastradas no Corpo de Bombeiros. "Encontrei na legislação mais um motivo para realizar a cãominhada: proporcionar passeios a estes animais, que foram os mais prejudicados com o decreto".

Foto de cachorros passeando com os donos Foto de cachorros passeando com os donos Foto de cachorros passeando com os donos

Ele acredita que o problema de violência provocada pelos cães é 80% por culpa do homem e 20% da genética. "A criação influência no comportamento dos animais. Na década de 80, massacravam a raça doberman. Nos anos 90, rottweiler e, agora, são os pit bulls as vítimas. Depois, vai surgir outra raça para pegarem no pé".

Para ele, a cãominhada é uma terapia para os donos e possibilita a socialização dos animais. "Os proprietários interagem entre si e passam a conhecer melhor seus cães e a limitação deles. Os cachorros voltam mais calmos para as residências. A recompensa do trabalho é vê-los alegres.", observa.

Foto de cachorros passeando com os donos Foto de cachorros passeando com os donos Foto de cachorros passeando com os donos

Luiz César afirma ainda que proporcionar uma atividade física para os animais é importante para resguardar o bem-estar e a saúde deles. "Têm pessoas que criam animais dentro de apartamento e tem uma raça que precisa gastar energia. O cachorro começa a apresentar vários problemas, de origem emocional".

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.