Escolha da escova influencia no resultado do penteado Com tanta variedade no mercado, é importante seguir algumas dicas para que o look fique perfeito

Aline Furtado
Repórter
24/8/2011
Escovas

Qual mulher nunca teve a impressão de sair com os cabelos perfeitos de um salão de beleza e, ao tentar fazer o mesmo penteado em casa, constatar que o resultado é bem diferente? A falta de jeito ou de prática pode influenciar, mas a escolha da escova pode determinar o aspecto final do look.

No mercado, é possível encontrar escovas redondas, quadradas, largas, estreitas, com cerdas próximas ou espaçadas, além de cerdas confeccionadas em diferentes tipos de material, como metal, nylon, plástico, madeira, além de cerdas naturais, como pelo de porco ou javali, e com íons.

"A escolha da escova ideal pode, inclusive, conferir brilho aos fios de cabelo", destaca a cabeleireira, Rosa de Castro. Ele ensina que as pessoas precisam analisar a textura dos fios e o comprimento antes de definir qual escova será usada. "Quanto mais grosso o fio, maior deverá ser o espaçamento entre as cerdas, assim como o diâmetro da escova. Já com relação ao comprimento, quanto mais comprido for o cabelo, maior deve ser a escova." 

Além da influência dos fios de cabelos, que ditam qual escova é mais indicada, o resultado esperado também deve ser considerado na hora da escolha. E isso tem ligação direta com o material do qual são feitas as cerdas. Para quem quer evitar os fios arrepiados, a dica são as escovas com íons nas cerdas. Já, se a intenção é dar volume às mechas, prefira as de formato arredondado.

No caso das escovas que contêm alumínio vazado, o liso é alcançado com mais facilidade, já que o material acelera a escovação. Já com relação ao formato, aquelas que lembram raquetes são mais usadas para desembaraçar os fios, enquanto as cilíndricas, para modelar e alisar.

"Mas as mulheres devem lembrar que antes de escovar o cabelo, seja ele liso, ondulado ou crespo, é importante que os fios estejam bem secos ou levemente úmidos, além de desembaraçados. Se o cabelo estiver muito úmido, a elasticidade é maior, o que faz com que os fios se quebrem", lembra Rosa.

Escovas Escovas
Tipos de cerdas e indicação
  • Cerdas de metal - Ideal para cabelos crespos levemente úmidos. As mais indicadas são as de cerdas bem espaçadas. Podem ser usadas também em cabelos cacheados levemente úmidos. As cerdas acomodadas em uma espécie de almofada evitam que o cabelo se quebre.
  • De nylon ou de plástico - As escovas redondas com cerdas unidas são indicadas para alisar cabelos crespos, tendo o auxílio do secador. Já as de nylon com bolinhas nas pontas das cerdas são ideais para cacheados levemente úmidos. Podem ser usadas para pentear e desembaraçar cabelos lisos.
  • Cerdas de madeira - Devem ser usadas em cabelos lisos secos e desembaraçados. Pode-se usar as escovas com cerdas bem próximas umas das outras. O efeito é percebido com a redução dos fios arrepiados.
  • Cerdas naturais - Estas escovas são ideias para pentear e desembaraçar cabelos lisos e também os que sofrem agressões por química, tintura e do tempo. As cerdas naturais são excelentes para desembaraçar.
  • Com íons - São indicadas para qualquer tipo de cabelo por evitarem a quebra dos fios e também os arrepiados.
Cuidados com as escovas

Para garantir a durabilidade e a limpeza das escovas, Rosa ensina que, sempre após o cuidado com os cabelos, as escovas também devem receber cuidados. "Retire os fios que ficaram presos à escova com o auxílio de um pente. Além disso, uma vez a cada semana, lave-a com água e xampu. Pode-se passar álcool e deixe secar ao sol, evitando que a escova mofe."

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.