• Assinantes
  • Autenticação
  • Mulher

    Juiz de Fora tem atividades gratuitas no Dia Internacional das MulheresPalestras, debates, passeio de bicicleta e exposições estão na programação, além da inscrição e regularização do CPF

    Jorge Júnior
    Repórter
    7/3/2012
    Foto montagem

    Na data em que é comemorado o Dia Internacional das Mulheres, nesta quinta-feira, 8 de março, a cidade de Juiz de Fora vai sediar vários eventos gratuitos em celebração.

    O Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), por exemplo, irá cadastrar, durante todo o mês de março, mulheres para realizarem exame de mamografia. Para agendar o exame basta possuir entre 50 e 69 anos e se apresentar na recepção do Centro Viva Vida, na Unidade Dom Bosco, a partir das 7h, portando o cartão do SUS. Para as mulheres residentes nas cidades da região abrangidas pelo Centro Viva Vida, o agendamento é feito por meio das secretarias municipais de saúde.

    CPF gratuito

    A Caixa Econômica Federal oferece desta quarta-feira, 7 de março, a sexta-feira, 9 de março, a inscrição, a regularização e a consulta gratuitas de Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) para as mulheres. A ação será realizada de acordo com horário de atendimento bancário. As mulheres maiores de 18 anos devem levar um documento de identificação, que contenha a filiação e data de nascimento, além do Título de Eleitor ou documento de justificativa eleitoral.

    Quem ainda não tiver 18 anos pode ser representada por um dos pais ou responsável. Nesse caso, o representante deve portar certidão de nascimento ou documento que contenha filiação e data de nascimento da criança ou adolescente, além de documento de identificação e CPF próprios e, se for o caso, documento que comprove a tutela, curatela, guarda ou procuração. As mulheres que tiverem entre 16 e 18 anos e possuam documento de identificação que contenha filiação e data de nascimento podem solicitar a emissão ou regularização do CPF sem a presença de um responsável.

    Eventos culturais

    A Fundação Alfredo Ferreira Lage (Funalfa) preparou uma programação cultural para elas. Com entrada franca, o evento deste ano tem foco no tema A mulher e o tecido, uma referência ao pioneirismo de Juiz de Fora no setor têxtil e uma homenagem às trabalhadoras da antiga Companhia Têxtil Bernardo Mascarenhas, onde hoje funciona o Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM). Às 19h, no Anfiteatro João Carriço, na sede da Funalfa, na avenida Rio Branco 2.234, Centro, ocorre a palestra Vida Bordadeira, com a ilustradora e escritora mineira Sávia Dumont. De 5 a 9 de março, Sávia ministrará uma oficina na cidade, cujas vagas já estão esgotadas, também dentro da programação do projeto.

    Coleção outono/inverno

    A programação cultural do Dia Internacional da Mulher segue com o lançamento da coleção outono/inverno, que marca a abertura do Espaço Manufato, na rua Fonseca Hermes, galpão 57, Centro, às 21h (acesso mediante apresentação de convites). A coleção, da série Tramas, é intitulada A inspiração vem de onde?, sendo composta por vestidos, blusas, saias, bolsas, almofadas, álbuns, cúpulas de abajur, além do acervo de quadros e objetos de arte que integram a ambientação do ateliê.

    Fotografias

    Também no espaço, durante o lançamento da coleção, serão projetadas imagens produzidas pela fotógrafa Paula Rivello. Em mais de cem registros da série intitulada Fibra, ela apresentará todo o processo de produção na Fábrica de Tecidos São João Evangelista, no bairro Floresta, em Juiz de Fora.

    Mostras

    Três exposições estão abertas para visitação na Biblioteca Municipal Murilo Mendes (BMMM), na Praça Antônio Carlos e na Biblioteca Delfina Fonseca Lima, localizada na rua Marília 631, Benfica, em comemoração ao Mês da Mulher. Até o dia 31 de março, os visitantes poderão prestigiar as mostras Autoras Juiz-foranas, montada no setor de empréstimos, e A Mulher e o Signo, no andar térreo, da BMMM, além da exposição A mulher na Poesia Brasileira, que ocorre na sucursal de Benfica. Os interessados podem prestigiar as exposições, com entrada franca, na BMMM, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, e na Delfina Fonseca Lima, das 8h às 18h. Já aos sábados, as bibliotecas recebem os visitantes das 8h às 14h.

    Debate

    Uma mesa de debates sobre a Lei Maria da Penha está marcada para o dia 23 de março, no auditório da sede da Ordem dos Advogados Brasileiros (OAB) de Juiz de Fora, na avenida dos Andradas 696, no Morro da Glória. O evento está marcado para as 14h. A palestrante é a mestre em Ciências Penais da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Silvana Lobo.

    Passeio de bike

    Também no dia 8 de março, será realizado um passeio de bicicleta para as mulheres, com saída do Centro de Vivência da UFJF, às 20h30. As interessadas podem fazer as inscrições, gratuitamente, meia hora antes da largada. O percurso previsto é de 20 quilômetros.

    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.