• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios

    Vitrines anunciam promoções no início do inverno Comércio de Juiz de Fora já oferece descontos nas peças
    para a estação mais fria do ano

    Marinella Souza
    Repórter
    1º/7/2009

    O inverno mal começou e as vitrines de Juiz de Fora já estampam promoções. Em destaque as roupas da recém-chegada estação, a preços bem mais baixos do que o de costume.

    Segundo o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Juiz de Fora (CDL/JF), Vandir Domingos, o grande responsável por essa onda de promoções fora de época é o inverno da cidade. Domingos alega que o estoque de inverno já é feito com mais cautela pelos lojistas devido à instabilidade da estação, característica que está ainda mais forte em 2009.

    "O inverno é uma época em que pode fazer muito frio, pode fazer calor, é tudo muito indefinido e o lojista fica com medo de ficar com mercadoria parada por um ano. Este ano, particularmente, o tempo está muito indefinido", afirma.

    Foto de Elisângela Machado ao lado de balcão com roupas de frioFoi o que aconteceu no estabelecimento gerenciado por Elisângela Machado (foto ao lado). "Não estamos tendo inverno, com isso o estoque está muito cheio", lamenta. A saída para solucionar esse problema foi lançar mão de uma promoção.

    De acordo com o vendedor Robert Bruno de Araújo Lima  (foto abaixo) essa prática não é bem uma novidade na loja em que ele trabalha. "A ideia é queimar as roupas do inverno do ano anterior para ter uma rotatividade maior na loja", explica.

    Foto de Robert BrunoRobert comenta que além dos modelos do inverno passado, algumas peças do verão, que podem ser reaproveitadas no inverno, também estão em liquidação, o que tem atraído bastante público.

    Na loja em que Elisângela trabalha, as peças de inverno estão em promoção desde a semana passada e nesse período já foi registrado um aumento de 20% nas vendas. Liquidando seu estoque há mais tempo (desde a semana do Dia dos Namorados) Robert conta que o aumento em sua loja foi de 30%.

    Para Domingos, o sucesso dessa estratégia é garantido graças à já reconhecida fama de que  o brasileiro adora uma promoção. "De uma forma geral, nós somos propensos a boas promoções. Tem muita gente que compra só para aproveitar os preços baixos, mesmo que não precise do produto em liquidação", comenta.

    Apesar de estar agradando os consumidores, o presidente da CDL acredita que essa prática não se repetirá nas demais estações do ano. Para ele, apenas o inverno permite esse tipo de tática, porque o verão é uma estação mais longa e possibilita um giro maior de mercadorias. "Além disso, as peças de inverno têm valores agregados muito mais altos do que as de verão", acrescenta.

    Foto de Dayane Cristina vendo uma roupaDe todo modo, os consumidores agradecem às variações climáticas e garantem que as liquidações são um bom atrativo para as compras. Com a crise, comprar peças da estação a baixo custo seduz muito os compradores, como revela  Dayane Cristina (foto ao lado). Para ela, essa é uma prática que atrai tanto os consumidores quanto os proprietários das lojas. "Todo mundo sai ganhando: a gente fica feliz por pagar menos e eles ficam felizes porque vendem mais", comemora.

     

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.