Segunda-feira, 22 de outubro de 2007, atualizada às 17h12

Empresários e comerciantes da Zona da Mata se unem para ganhar força política


Thiago Werneck
Repórter

A união faz a força. Foi pensando nisso que cerca de 40 mil comerciantes e empresários da Zona da Mata abriram uma unidade da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Minas Gerais (Federaminas). São associações de 27 municípios que estão, no máximo, há 150 Km de Juiz de Fora.

O objetivo da união é ganhar força política e representatividade junto ao governo federal e estadual. No dia 9 de novembro vai haver uma reunião da Federaminas Regional Zona da Mata, onde os representantes das Associações vão levar suas principais reivindicações.

Segundo o presidente da nova entidade, Aloísio Vasconcellos, há sete anos, os empresários lutam para interiorizar a Federaminas. "Essa é uma das instituições mais antigas e importantes de Minas e faltava dar mais atenção ao interior. Foi uma grande vitória nossa", destaca.

Juiz de Fora, Ubá, Muriaé, Leopoldina, Cataguases são algumas das cidades representadas. "Ainda vamos definir nossas diretrizes, mas em Juiz de Fora, por exemplo, já lutamos contra a prorrogação do CPMF, lutamos para revitalizar o centro da cidade. Hoje, o principal é a redução das cargas tributárias", conclui Aloísio.



Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.