Terça-feira, 23 de setembro de 2008, atualizada às 16h14

Operação especial do Ipem vai fiscalizar brinquedos em Juiz de Fora



Priscila Magalhães
Repórter

O Instituto de Pesos e Medidas do Estado de Minas Gerais (Ipem/MG) vai intensificar a fiscalização de brinquedos em Juiz de Fora a partir da próxima segunda-feira, 29 de setembro. Trata-se de uma operação especial para o Dia das Crianças, comemorado no dia 12 de outubro.

A medida visa garantir a segurança das crianças, pois vai verificar se os brinquedos foram fabricados de forma correta. Segundo o chefe da Gerência de Fiscalização e Verificação Compulsória do Ipem/MG, Raimundo Mendes Costa, os fiscais vão de loja em loja procurando pelo selo do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro).

O selo deve estar afixado no próprio produto ou na sua embalagem. "É obrigatório que todo brinquedo seja certificado pelo Inmetro", ressalta Costa. Se alguma irregularidade for constatada, os estabelecimentos comerciais podem ser autuados. "Se um produto for encontrado sem o selo, ele vai ser apreendido. O fiscal deve solicitar a nota fiscal do fornecedor". Se a nota não for apresentada, o comerciante está sujeito à multa.

Veja os cuidados ao comprar brinquedos*
  • Observe a indicação da faixa etária. Alguns brinquedos não são indicados para crianças pequenas e têm peças que podem se soltar, oferecendo risco de serem engolidas.
  • Todas as instruções de uso e indicação de faixa etária devem estar em português, mesmo quando o produto for importado.
  • Só compre brinquedos em estabelecimentos registrados e exija a nota fiscal. É sua garantia em caso de necessidade de troca.
  • Todo brinquedo deve ser certificado, obrigatoriamente. Observe se o "Símbolo de Identificação do Sistema Brasileiro de Certificação" está afixado no produto ou na sua embalagem. O selo poderá estar acompanhado do nome ou marca do Organismo de Certificação de Produto (OCP), credenciado pelo Inmetro.

*Informações da Agência Minas e do Ipem/MG

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.