Segunda-feira, 4 de janeiro de 2010, atualizada às 16h41

Cheques com data de janeiro de 2009 serão aceitos até 31 de janeiro de 2010

Clecius Campos
Repórter

Os cheques preenchidos por engano com data de janeiro de 2009 serão aceitos pelas instituições financeiras até o dia 31 de janeiro de 2010. A determinação é da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), que toma a iniciativa por considerar comum o equívoco.

De acordo com a assessoria de comunicação da Febraban, os bancos comumente rejeitam cheques com mais de seis meses de preenchimento. As instituições controlam a data de emissão do título pelos números do talão e do cheque. A recomendação é ter cautela ao preencher o documento e não rasurá-lo em caso de erro. Cheques rasurados também são rejeitados pelos bancos.

Segundo o presidente do Sindicato do Comércio de Juiz de Fora (Sindicomércio), Emerson Belotti, a recomendação ao setor é solicitar a emissão de um novo cheque, caso o campo data tenha sido preenchido com erro. "Se o consumidor não quiser gastar outra folha, é indicado escrever a data correta por extenso atrás do título e assinar. É mais uma garantia." Para Belotti, a norma da Febraban beneficia o comércio. "O lojista não precisará procurar o cliente, se o equívoco acontecer."

Os textos são revisados por Madalena Fernandes

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.