• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios
    Terça-feira, 20 de dezembro de 2011, atualizada às 18h30

    Setor de serviços tem maior perda de postos de trabalho na comparação entre novembro de 2010 e 2011

    Aline Furtado
    Repórter
    Carteiras de trabalho

    O município de Juiz de Fora perdeu 141 postos de trabalho no setor de serviços no mês de novembro deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. No total, a cidade teve, em novembro, retração de 2,53% no saldo total de empregos, em comparação com o mesmo mês em 2010.

    Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), divulgados nesta terça-feira, 20 de dezembro, demonstram que o setor de serviços foi o que apresentou maior diferença entre admissões formais e desligamentos.

    De janeiro a novembro, no ramo de serviços, foram admitidos 2.829 novos trabalhadores contra 2.118 desligamentos, o que demonstra saldo de 711 novos postos no mês de novembro. No ano passado, foram registradas 2.231 admissões e 1.661 demissões, revelando saldo de novos postos de 570. O mesmo setor, até outubro, gerou 2.914 contra 2.175 desligamentos, o que resulta em um saldo de 739 postos no mês. O dado revela queda de novos postos, entre os meses de outubro e novembro, equivalente a 28 postos.

    Mesmo com a queda, o setor foi o que mais apresentou abertura no décimo primeiro mês do ano. O comércio foi o segundo melhor no mês, criando 622 postos de trabalho. A administração pública gerou 56 vagas formais, seguida pela indústria de transformação, com 21 vagas; pela agropecuária, com 11 vagas; e pelos serviços industriais de utilidade pública, com três. Enquanto isso, no mês, os setores de extrativismo mineral e construção civil apresentaram saldo negativo, com -11 e -58, respectivamente.

    Segundo maior saldo em 2011

    No total, 1.355 postos de trabalho foram gerados em Juiz de Fora em novembro, o segundo maior saldo registrado no ano, perdendo apenas para agosto, quando foram contabilizados 1.367 novos postos. O número de admitidos em novembro deste ano foi de 6.132, contra 4.777 demissões.

    JF em melhor situação

    Embora o município tenha apresentado retração de 2,53% no saldo de empregos em comparação com 2010, a situação é melhor do que as posições ocupadas pelo Estado e pelo país. Minas Gerais teve queda de 51,83% no saldo de emprego, na análise comparativa entre novembro de 2010 e 2011. O Brasil apresentou queda de 69,09%.

    Confira os dados do Caged do mês de novembro

     

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.