Segunda-feira, 5 de outubro de 2015, atualizada às 16h36

Consumidores devem respeitar data de vencimento das contas em greve bancária

A greve dos bancários, marcada para começar nesta terça-feira, 6 de outubro, deve ter atenção redobrada dos consumidores, principalmente em relação ao pagamento de faturas, boletos bancários e outros tipos de cobrança. O Procon, de São Paulo, alerta que a greve não afasta a obrigação do consumidor de pagar seus débitos e que a empresa credora tem que oferecer outras formas e locais para que os pagamentos sejam efetuados.

A recomendação é de que o consumidor entre em contato com a empresa e peça opções de formas e locais para pagamento, como internet, a sede da empresa, casas lotéricas, código de barras para pagamento em caixas eletrônicos, dentre outros. O Procon orienta ainda que o consumidor documente esse pedido, ou seja, guarde cópia de e-mail ou anote o número de protocolo de atendimento, por exemplo. Assim, caso o fornecedor não atenda à tentativa de quitar o débito, o consumidor pode fazer a reclamação.

Greve

A greve foi aprovada por assembleias durante a última semana, após a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) oferecer reajuste de 5,5% para salários e vales. A proposta inclui abono de R$ 2,5 mil, não incorporado ao salário. Os bancários querem reajuste salarial de 16% (incluindo reposição da inflação mais 5,7% de aumento real), entre outras reivindicações.

Em Juiz de Fora, o secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores do Ramo Financeiro da Zona da Mata e Sul de Minas (Sintraf-JF), Carlos Alberto Nunes, explica como será o funcionamento da paralisação. "Vamos para as agências de manhã para falar do movimento. Por volta de 12h, vamos saber quantas e quais agências e bancários aderiram. Só teremos o panorama por esse horário", afirma. Nunes também afirma quais serviços estarão disponíveis. "O autoatendimento e o internet banking não param, assim como serviços de compensação e devolução de cheques", fala.

Com informações da Agência Brasil.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.