• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Lúdica Música Banda existe desde a década de 1990, liderada pelas cantoras, compositoras e instrumentistas mineiras Isabella Ladeira e Rosana Brito.

    Renata Solano
    *Colaboração
    24/12/2007

    Apoiada no alicerce da MPB, sigla que, segundo Isabella Ladeira e Rosana Brito, representa Música Popular Boa, a banda Lúdica Música traz repertório variado com referencia em diversos cantores e compositores brasileiros e, também, estrangeiros.

    Influenciadas por Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Dorival Caymmi, João Gilberto, Noel Rosa, Ary Barroso, Ivan Lins, Chico Buarque, Milton Nascimento, João Bosco, Djavan, Elis Regina, Caetano Veloso, Gilberto Gil, The Beatles, Stevie Wonder, Wilson Simonal, Jorge Ben, Jair Rodrigues, Jovem Guarda e Lulu Santos, as cantoras confessam colocar as melhores canções em seu "ludificador" e dar a elas um jeitinho pessoal.

    Em 16 anos de existência e resistência no mercado musical independente, o Lúdica Música traz na bagagem mais de 2000 shows realizados, 3 discos de carreira e 6 temporadas de sucesso na Europa, entre Itália, Espanha e Portugal.

    Com outras formações, o Lúdica se apresenta, hoje, com as cantoras Isabella, Rosana e com o cantor e instrumentista juizforano Gutti Mendes, que além de tocar percussão, bateria e violão, é também letrista e compositor, e atua no Lúdica Música, desde 2004, tendo participado das gravações do CD “Então eu canto e nem me lembro pra onde as coisas vão”. Desde 2005 é o baixista oficial do grupo.

    Segundo Rosana, o público de cada um desses locais é diferente em reação e emoção. "No exterior é bom demais porque nós somos contratados para fazer o show do Lúdica Música e não um show cheio de restrições onde só se canta o que o empresário quer, muito pelo contrário, eles valorizam nosso trabalho da forma que ele é", conta.

    Foto de show Foto de show Foto de show

    No Brasil, cada público apresenta suas particularidades. Em São Paulo, as cantoras definem o público como culto e interessado; no Rio de Janeiro, animado e vibrante; em Belo Horizonte, engajado, caloroso; no sul, educado. "Em Juiz de Fora, o público espera ser bajulado, mas é um público fiel", comenta Isabella.

    Confira a entrevista

    ACESSA.com - Como surgiu a idéia de montar a banda Lúdica Música?

    Rosana - Eu trabalhava em dupla com a Isabella e também trabalhava em dupla com o Joãozinho da percurssão, um dia a gente resolveu juntar e começamos a cantar e tocar juntos, ficamos assim uns quatro anos em trio.

    ACESSA.com - Por que o nome Lúdica Música?

    Rosana - Porque o primeiro show que o trio fez chamava Lúdica Música e nós acabamos incorporando isso para o nome da banda, porque a gente busca representar exatamente isso: passar as músicas por um ludificador e deixá-las com a nossa cara, com uma linguagem e forma nossa.

    ACESSA.com - Qual o tipo de música vocês mais gostam de tocar?

    Lúdica Música - A gente gosta de MPB (Música Popular Boa), não é preciso fazer uma barreira que defina o que tocamos, a gente gosta, ouve e canta de tudo, desde que seja bom. A nossa preocupação é com a letra, com a música, com a melodia, precisa ter uma harmonia gostosa e isso é que importa.

    ACESSA.com - Mas a MPB influencia diretamente no trabalho de vocês?

    Lúdica Música - A MPB hoje está muito abrangente, tem coisa nova demais, antes MPB era apenas música de qualidade e encrementada, agora qualquer musica pode ser considerada brasileira e popular, a gente tem influencia sim, mas da parte boa dessa música classificada como popular brasileira.

    ACESSA.com - E o que que é música boa para vocês?

    Isabella - É aquela música que tem mensagem, que transmite emoção e conteúdo, porque a gente não só quer fazer sucesso, mas também fazer a cabeça do nosso público. A maioria do nosso repertório é de música brasileira, mas a gente dá uma escapadinha e toca jazz, blues, bolero, Alejandro Sans e Beatles.

    ACESSA.com - Como está a carreira de vocês?

    Lúdica Música - O Lúdica sobrevive porque sempre nos preocupamos em tocar fora da cidade. Aqui em Juiz de Fora é maravilhoso, a gente faz show aqui, em média, uma vez por mês e sempre é legal porque nosso público é fiel. Mas estamos fazendo shows em diversas cidades desse país e também já fomos para o exterior e conhecemos o público de lá, que é muito especial pois ele tem o costume de bater muita palma.

    ACESSA.com - Vocês têm outra profissão sem ser música?

    Lúdica Música - Nós vivemos somente de música, e nem dá muito tempo de fazer só isso, imagina ter que conciliar essa carreira com outra!

    Mas, mesmo sem ter tempo de fazer outra coisa senão a música, as moças do Lúdica contam que tem formação superior. Isabella é formada em jornalismo e já trabalhou na área, em jornais e rádio, já Rosana, conta que sua formação em psicologia não lhe rendeu mais amor e interesse do que a música em si.

    Em seu último show do ano em Juiz de Fora, a banda teve, na sexta-feira, dia 21 de dezembro, participação especial de Fábio Mendes e Inox. Animou o público do bar e colocou para funcionar as cordas vocais do público que não parava de cantar, mesmo que tímidamente, as músicas.

    *Renata Solano é estudante de Comunicação Social da UFJF

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.