Juiz de Fora - MG

Sexta-feira, 20 de dezembro de 2013, atualizada às 17h07

Mais de 1.500 candidatos são eliminados do Enem 2013

O Ministério da Educação confirmou nesta sexta-feira, 20 de dezembro, a eliminação de 1.522 candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2013 por tentativa de fraude. Em Minas Gerais foram 396. De acordo com o ministro Aloizio Mercadante não houve fraude na organização do exame deste ano.

Segundo Mercadante, o Ministério da Educação (MEC) trabalha antes, durante e depois do Enem, para evitar qualquer tipo de irregularidade, como a que foi investigada pela Polícia Civil de Minas Gerais. Ele disse que o MEC e a Polícia Federal, que agora está com o caso, formaram uma parceria muito construtiva, trabalhando até no dia do exame, para ter o flagrante.

De acordo com investigações da Polícia Civil de Minas Gerais, a quadrilha suspeita de ter fraudado as provas do Enem deste ano é também acusada de fraude de vestibulares de medicina. Conforme as apurações, os criminosos agiram em Barbacena, região central do estado, vendendo gabaritos a candidatos por preços que variavam de R$ 70 mil a R$ 100 mil. Os resultados repassados aos candidatos eram do caderno amarelo de questões do exame. Mercadante ressaltou que a Polícia Civil de Minas Gerais, que investigou o caso durante nove meses, ainda não encaminhou ao MEC o nome dos envolvidos na fraude e garantiu que as irregularidades serão apuradas com rigor.

Com informações da Agência Brasil

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.