Juiz de Fora - MG

Sábado, 5 de janeiro de 2019, atualizada às 09h39

Juiz de Fora pode ter motolâncias no atendimento do Samu

Da redação

O Projeto de Lei (PL) que visa possibilitar a utilização de motos no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi aprovado em segunda discussão, nesta sexta-feira, 4 de janeiro, na Câmara de Juiz de Fora. De autoria da vereadora Sheila Oliveira (PSL), a proposta de implantação do Programa “Motos pela Vida” busca uma estratégia para driblar as dificuldades que o trânsito impõe para a prestação de socorro. O PL passará ainda por mais uma discussão até ser aprovado e após será encaminhado para sanção do Executivo.

Segundo dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o município de Juiz de Fora registrou, em outubro de 2018, duzentos e sessenta e oito mil e trinta e três veículos emplacados. Diante do aumento da quantidade de automóveis na cidade, a locomoção das ambulâncias torna-se mais lenta. “Com o acréscimo da quantidade de veículos, o trânsito também se intensifica, dificultando a atuação do SAMU”, explicou Sheila em sua justificativa.

De acordo com a vereadora, a utilização de motos visa facilitar e agilizar o atendimento do SAMU em Juiz de Fora. Os veículos, chamados de “motolâncias”, estariam aptos para prestar atendimento de urgência e emergência aos pacientes, realizando o serviço pré-hospitalar.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.