Quinta-feira, 27 de maio de 2010, atualizada às 12h

Liraa será realizado em junho

Pablo Cordeiro
*Colaboração

Do dia 7 a 11 de junho, a Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) realiza o segundo Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (Liraa) de 2010. A pesquisa deveria ter sido realizada em março, porém, como a incidência da doença estava alta, a administração preferiu adiar.

Cento e trinta agentes de endemia estarão responsáveis pelo levantamento e também pela visitação às casas, a fim de eliminar os focos do mosquito. Tradicionalmente, após o período de chuvas na cidade - março, abril e maio - a tendência é de queda nos casos, já que o clima seco dificulta a proliferação do vetor.

"De março a junho houve diminuição dos índices. Nossa expectativa de queda é justamente pelas alterações climáticas do inverno. No entanto, com o retorno das chuvas e do frio, o mosquito acaba se adaptando e a proliferação permanece. É importante a conscientização dos juizforanos quanto aos criadores dentro das casas", salienta um dos coordenadores de campo do combate à dengue, Fábio César.

As regiões mais críticas em relação à presença do mosquito são os bairros Borboleta, Milho Branco, Jardim Glória, Centro, Jardim Esperança e Vila Olavo Costa. O total de casos notificados atualmente é de 7.756 e os casos confirmados de morte em decorrência da doença são seis. 

*Pablo Cordeiro é estudante do 10º período de Comunicação Social da UFJF

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.