Dicas para melhorar o desempenho na Corrida da Fogueira 2018

Gema Ferraz Gema Ferraz 20/07/2018

Cada pessoa possui um propósito diferente quando decide incluir a corrida em seu dia a dia. Uns querem emagrecer, outros querem manter a saúde, já outros buscam a prática esportiva para utilizá-la como uma válvula de escape para o estresse do trabalho. Esses são apenas alguns dos motivos pelos quais as pessoas começam a correr. Além desses, temos diversos benefícios associados a essa prática.

Vamos ao assunto dessa postagem que é a Corrida da Fogueira 2018 de Juiz de Fora.

Você se preparou para essa edição da Corrida da Fogueira? Você já participou de outras provas do Ranking de Corridas Rústicas de Juiz de Fora? Para quem não sabe, Juiz de Fora tem diversos pontos para treinar.

Durante o trajeto é importante respirar da maneira correta, além de se alongar antes ou depois da corrida de rua.

Além dessas, existem outras dúvidas que cercam os corredores e que devem ser esclarecidas antes da prova, que ocorre neste sábado, com largada na praça do Bom Pastor.

Vou deixar algumas dicas para quem vai participar da corrida mais importante da cidade,

  • Prepare todo seu material para a corrida no dia anterior
  • Aqueça e/ou alongue antes da largada
  • Cuidado para não "queimar a largada" e "quebrar" no meio do caminho
  • Corra no ritmo que está acostumado a treinar e finalize a prova com tranquilidade.
  • Alimentação e treino caminham lado a lado quando o assunto é bom desempenho na corrida, por isso, a nutricionista da Nutrindo Estilos, Elieth Padovani listou algumas dicas de alimentação.

Antes
Tome um café da manhã rico em carboidratos. Você pode comer pão, macarrão, batata doce, mandioca, geleia, suco de laranja e frutas. Também inclua na refeição uma fonte de proteína magra (atum, frango ou queijo magro), para garantir um bom aporte de aminoácidos ao corpo durante o exercício. Lembre-se: fique longe de qualquer coisa que não está acostumado a consumir.

Durante
Consuma um sachê de gel de carboidrato (ideal ser um sachê formulado individualmente) a cada 40 minutos em provas longas, como os 16Km, a meia maratona ou a maratona. Se você não gostar do suplemento, pode optar por outra fonte do nutriente, como damasco seco, uva passas, bananinha ou rapadura. Mas lembre-se: você só pode comer o que foi testado nos treinos

Depois
Procure tomar cerca de 1,5 litros de água nas horas após o exercício, para repor os líquidos perdidos, se necessário um repositor energético. Imediatamente após a corrida, tome um shake recovery (que combina carboidrato e proteína) ou algum alimento que possua esses dois nutrientes.

Uma boa Corrida da Fogueira para todos !!!

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.