• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde

    Sobre a minha, a sua e as nossas mudanças internas

    Nome do ColunistaAna Pernisaa 26/10/2019

    Por mais que eu deseje ou ache que consigo, eu não posso mudar a essência de uma pessoa. Entende isso? Nem eu e nem você! A natureza humana é algo  mais profundo ainda do que querer mudar o comportamento das pessoas. Comportamento alguns disfarçam, mas aqui eu estou falando da natureza! Acho que é disso que fala a Bíblia sobre Deus conhecer o coração do homem. É a essência... É o âmago. Não é a máscara que carregamos na superfície e que muitas vezes nos ilude e ilude o outro.

    Particularmente, por "prepotência" minha, confesso (rs), custei muito até conseguir entender e diluir isso. E ao alcançar essa compreensão comecei a ficar mais leve para seguir.

    Sabe porque? Porque observo e passo a crer, verdadeiramente, que nesse âmago, quem só pode, de fato mudar, é a própria pessoa e isso se ela reconhecer isso em si e ainda tiver a humildade de entender e se permitir ser remoldada por ela mesma!

    Hoje, quando vejo que nada acontece, penso: isso é muito grande para mim, está fora do meu alcance e me retiro. Sabe, você pode ser uma lanterna, trazer luz a algumas questões, trabalhar terapeuticamente, ser amigo(a), ser mãe ou pai, agir como for, mas só a pessoa pode girar essa chave. E isso, se ela desejar, de fato, e demonstrar isso nas atitudes!

    O que fica para mim então é a auto responsabilidade de entender isso. Recentemente passei a chamar de "a dor do crescimento". Aquela dorzinha que me acompanha sempre que vejo que preciso mudar o rumo, diante de algumas ações que não vejo diferença no outro. Essa dor vem porque incomoda eu perceber que vou ter que fazer novas escolhas de situações e pessoas.

    Às vezes, ela me dói, ao sentir que preciso me afastar ou me desligar de determinadas situações que eu gostaria que fosse diferente, pois sempre torço para que as coisas andem bem. Mas, antes de tudo, preciso lembrar que essa sou eu e não o outro. Você entende isso?

    De novo as escolhas!

    E aí, como escolher continuar a ficar dando "murros em ponta de facas", como fala um dizer popular?

    Pense nisso:

    Ninguém muda ninguém, principalmente na sua essência...

    Enfim, o que eu ou você podemos fazer? Eu, particularmente, escolho aprender mais uma vez a lição, me aprimorar, enxergar meus limites e enxergar os limites do outro. Escolho reescolher quem e o que eu desejo que fique perto de mim.

    E assim vamos seguindo com o foco no #maisfoconoquefazbem

    Um beijo carinho e um ótimo dia!!!

    Quem desejar me seguir, meu Instagram é @pernisaana.

    Ana Pernisa é Psicóloga, Pedagoga, Coach e Consteladora Familiar. Idealizadora do Grupo Terapêutico Companhia do Ser. Estudiosa e interessada em assuntos que possibilitam e sejam facilitadores ao desenvolvimento pessoal e profissional. Instagram: @pernisaana

    Os autores dos artigos assumem inteira responsabilidade pelo conteúdo dos textos de sua autoria. A opinião dos autores não necessariamente expressa a linha editorial e a visão do Portal ACESSA.com

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.