• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Quinta-feira, 3 de novembro de 2011, atualizada às 17h56

    Juiz de Fora vai ganhar instalações da Academia da Saúde

    Da Redação
    Foto de pessoas exercitando

    Juiz de Fora será uma das 310 cidades mineiras a serem contempladas pelo Programa Academia da Saúde, que estimula a criação de espaços adequados para a prática de atividades físicas e lazer. Só nos principais municípios da Zona da Mata serão criados sete espaços em Muriaé, Ponte Nova, Ubá, Cataguases, Além Paraiba, Leopoldina, além de Juiz de Fora. O Ministério da Saúde não informou onde os espaços serão criados.

    Em todo o país, 2 mil polos serão instalados em 1.828 cidades. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, durante a 11ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças (Expoepi).

    Os polos do Programa Academia da Saúde são espaços públicos construídos para a prática de atividade física. As atividades devem estar ligadas aos serviços de atenção básica. Lançada no último mês de abril, a estratégia segue o exemplo de iniciativas bem-sucedidas realizadas em cidades como Aracaju, Belo Horizonte, Curitiba, Recife e Vitória.

    De acordo com o estudo Vigitel 2010, 16,4% dos brasileiros são sedentários; ou seja, pessoas que não fazem nenhuma atividade física no tempo livre, nem mesmo nos deslocamentos diários ou em atividades como a limpeza da casa ou outros tipos de trabalho. A pesquisa também mostra que, nos períodos de lazer, 25,8% dos brasileiros passam três ou mais horas em frente à TV, durante cinco ou mais vezes por semana.

    Além disso, apenas 15% dos adultos são ativos no tempo livre, com maior proporção entre homens (18,5%) na comparação com as mulheres (12%) e existe diferença importante em relação à escolaridade. Outros 12% da população com menos escolaridade é ativa e 20% da população com 12 anos ou mais de escolaridade é ativa, mostrando a importância de investir em espaços que promovam atividade física para ampliar o acesso da população de baixa renda. A Organização Mundial de Saúde recomenda a prática de 30 minutos de atividade física, durante cinco ou mais dias por semana.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.