• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Quinta-feira, 4 de dezembro de 2014, atualizada às 14h58

    Dia D de combate à dengue e à febre chikungunya será neste sábado

    Febre

    Neste sábado, 6 de dezembro, será realizado em todo o estado de Minas o Dia D de mobilização para o combate ao mosquito da dengue e da febre chikungunya. O papel de cada família que é verificar e eliminar possíveis locais que acumulam água será reforçado nesse dia D. A ação será repetida no dia 7 de fevereiro, com o Dia D+1.

    Por meio da ação, convocada pelo Ministério da Saúde, os estados em um trabalho conjunto com os municípios, devem realizar uma intensa mobilização da população, além de mutirões de limpeza urbana e atividades para alertar os profissionais da área ao diagnóstico correto das doenças.

    Cerca de 80% dos criadouros estão nas residências, por isso a necessidade de eliminar todos os recipientes com água parada ou tampando os que não for possível desfazer. Além disso, é importante receber o agente de combate à dengue para reforçar os cuidados.

    Fique atento aos cuidados:

    - Caixa d'água vedada evita a entrada ou saída do mosquito.

    - Galões, tonéis, poços, latões, lixeiras e tambores devem ser totalmente vedados, inclusive aqueles usados para água de consumo.

    - Ralos limpos e com aplicação de telas, evitam o surgimento de criadouros.

    - Vasos sanitários fora de uso ou de uso eventual devem ser tapados e verificados semanalmente.

    - Plantas como bambús, bananeiras, bromélias, gravatás, espada de são Jorge e outras semelhantes também podem acumular água.

    - Na área de serviços, baldes virados de boca para baixo evitam o acúmulo de água.

    - Lonas usadas para cobrir objetos ou entulhos, bem esticadas evitam a formação de poças d'água.

    - Piscinas e fontes devem ser limpas e tratadas com auxílio de produtos químicos específicos.

    Com Agência Minas

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.