Prefeitura libera eventos de pequeno porte

Também está liberado o funcionamento de restaurantes e lanchonetes em clubes

da Redação - 11/05/2021

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) divulgou nesta terça-feira, 11, alterações no programa “Juiz de Fora pela Vida”, com a liberação de eventos de pequeno porte, seguindo rígidos protocolos de segurança, na Faixa Vermelha do programa. Também está permitido o funcionamento de restaurantes e lanchonetes no interior de clubes, nas mesmas condições e dias permitidos aos setores. A prática de atividades físicas como tênis, vôlei, futevôlei e peteca é permitida, na Faixa Vermelha, com uma pessoa por quadra.

“A nota técnica é um avanço no que diz respeito à retomada consciente do setor de turismo, eventos, lazer e entretenimento, resultado de uma construção coletiva, que envolve várias secretarias da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, em conjunto com associações representativas da classe”, destaca o secretário de Turismo, Marcelo do Carmo.

“Como é característica dessa administração, as mudanças foram pautadas na preservação da vida e na observação criteriosa de protocolos de biossegurança e índices epidemiológicos. A partir da nota técnica, a Setur se reúne amanhã, 12 de maio, com as equipes organizadoras dos eventos-teste (ocorridos em março), para continuar o processo de capacitação para a retomada das atividades”.

Juiz de Fora permanece na Faixa Vermelha do “Juiz de Fora pela Vida”

Em nota informativa da Secretaria de Saúde, Juiz de Fora permanece na Faixa Vermelha do programa municipal de enfrentamento à Covid-19, Juiz de Fora pela Vida. Em nota de esclarecimento, também divulgada nesta terça-feira, 11, o coordenador do Fórum Juiz de Fora em Defesa da Vida, Ignacio Delgado, explica que o Programa municipal “vale-se da métrica sugerida pelo Conasens (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde) e faz a apuração da semana epidemiológica na semana exatamente anterior a de eventuais mudanças nas faixas do programa, ao contrário do programa estadual (Minas Consciente), que efetua a mudança com uma semana após a apuração dos dados que instruem a mudança de faixas. Por isso, conquanto haja similaridade nas métricas, os prazos de definição das condições epidemiológicas no programa municipal tornam-no mais atualizado e sensível à situação real do município.”

“Nesta semana [10 a 17 de maio], permanecemos na Faixa Vermelha, com viés de melhora nas condições epidemiológicas. Outra característica do programa é a oportunidade que dá de diálogo permanente com os diversos setores, com o que, após avaliação da área de saúde e consulta ao Comitê Científico, é possível fazer mudanças pontuais em seus dispositivos gerais e/ou arranjos definidos nas faixas.”, finaliza a nota.

Veja as condições de realização de eventos:

Faixa vermelha: Capacidade máxima de 40 pessoas, incluindo staff. 1 pessoa por 4m². 30% da capacidade do espaço.
Faixa laranja: Capacidade máxima de 80 pessoas, incluindo staff. 1 pessoa por 4m². 50% da capacidade do espaço.
Faixa amarela: Capacidade máxima de 160 pessoas, incluindo staff. 1 pessoa por 4m². 60% da capacidade do espaço.

Em todas as faixas, os eventos devem ser autorizados pela Secretaria de Sustentabilidade em Meio Ambiente e Atividades Urbanas (Sesmaur). Os protocolos de biossegurança estão disponíveis na Nota Técnica 6 do Juiz de Fora pela Vida, publicada nesta terça-feira, no site do programa.
L

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.