Sexta-feira, 25 de julho de 2008, atualizada às 12h44

Procon registra 1349 reclamações sobre telefonia fixa



Daniele Gruppi
Repórter

O Procon em Juiz de Fora registra desde janeiro deste ano 1.349 reclamações sobre a telefonia fixa. Liderando o ranking das queixas está a cobrança indevida e abusiva, com 767 notificações, seguida de serviços não fornecidos, como entrega, instalação, não cumprimento da oferta e contrato, com 146.

No mesmo período do ano passado foram efetuadas 1.139 reclamações. Novamente a cobrança indevida e abusiva está no topo, como 683 registros. Depois aparecem contratos relativos a recisão e alteração unilateral, com 76.

Os consumidores que se sentirem lesados e não conseguirem resolver diretamente o problema com a operadora, podem procurar o órgão de defesa do Consumidor, apresentando identidade, CPF, contrato e conta telefônica.

Anatel autoriza reajuste para as tarifas de telefonia

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou na última quinta-feira, dia 24 de julho, os índices de reajuste das tarifas das concessionárias de telefonia fixa.

O reajuste máximo da cesta de tarifas (assinatura mensal e minutos) da Telemar vai ser de 2,7651%. O percentual vai valer também para as ligações fixo móvel e para a cesta de longa distância (ligações interrurbanas).

O valor do crédito para uso em telefone público passou de R$ 0,1185 para R$ 0,1215, com impostos e contribuições sociais, o que representa um reajuste de 2,53%. Esse valor é único em todo o território nacional. A assessoria da Telemar, em Minas Gerais, não foi encontrada para informar os novos valores e quando eles vão começar a valer.

Por determinação da Anatel, a concessionária deve dar ampla divulgação dos novos valores pelo menos 48 horas antes de efetivar o repasse ao usuário.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.