Quinta-feira, 31 de julho de 2008, atualizada às 16h11

Juiz de Fora vai contar com Ouvidoria Eleitoral para denúncias de irregularidades durante a campanha



Priscila Magalhães
Repórter

A Ordem dos Advogados do Brasil, subseção Juiz de Fora (OAB-JF), vai disponibilizar a Ouvidoria Eleitoral para os juizforanos a partir da próxima terça-feira, 05 de agosto. O ouvidor eleitoral escalado é Marco Aurélio Lyrio Reis.

Através do sistema, os eleitores vão poder denunciar irregularidades cometidas pelos candidatos durante a campanha eleitoral. Para o presidente da OAB-JF, Wagner Parrot, o maior número de denúncias deve acontecer em torno da compra de voto e da propaganda eleitoral irregular, ações comuns em Juiz de Fora.

O número usado para a Ouvidoria Eleitoral é o (32) 3212-4168. Para denunciar, é necessário que a pessoa se identifique e que apresente provas ou testemunha. "Se denunciar e não provar, fica difícil para nós trabalharmos", diz Parrot.

Além da Ouvidoria, a OAB-JF também está investindo em palestras e em material didático, como folderes, para orientar eleitores e candidatos. "Assim, todos vão saber o que é certo e o que não é. Queremos eleições limpas".

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.