• Assinantes
  • Autenticação
  • Seus Direitos
    Quinta-feira, 7 de maio de 2020, atualizada às 19h

    Grupo cria Vakinha Online para comprar casa para vendedor de paçoca em JF

    Jorge Júnior
    Editor

    Um grupo de voluntários de Juiz de Fora se uniu para ajudar o Anderson Paçoca (@andersonpacoca10), carismático vendedor que trabalha na região dos bairros São Mateus e Alto dos Passos. Figura icônica na cidade e sempre com um sorriso no rosto, Paçoca vem garantindo ao longo dos anos o próprio sustento, percorrendo bares e restaurantes para vender chiclete - começou com paçoca, e o apelido pegou.

    Aos 43 anos, Anderson vive em uma casa em situação precária, no Bairro Parque Guarani, junto com seus cinco cachorros. Devido a necessidade de isolamento social em função da pandemia do novo coronavírus e com os bares de portas fechadas, Paçoca não está trabalhando e, com isso, passando por dificuldades.

    Com o objetivo de garantir o sustento do vendedor, os voluntários organizaram uma live solidária pelo Instagram. A primeira aconteceu em abril. Devido ao sucesso, foram organizadas outras ações, como venda de kits de guloseimas e até uma Vakinha Online para que Paçoca conseguisse sair do aluguel. Segundo Fernando Prados, que iniciou o movimento, ele já conhecia Anderson e ficou sensibilizado após assistir uma live. "O Anderson é sempre muito engraçado, mas após ver o vídeo que ele fez, fiquei me perguntando sobre a real situação dele. Entrei em contato e o Paçoca me falou que estava passando por dificuldades, então e eu outro amigo resolvemos ajudar. Produzimos algumas lives e criamos uma conta bancária para ele".

    Logo depois, mais pessoas aderiram ao movimento solidário. Com o apoio de Kathyana Garcia Silva Ferreira e Thaís Tatonn foi criada a Vakinha Online Uma casa pro Paçoca, com o objetivo de arrecadar R$ 160 mil. Até o momento, a ação tem mais de 1.500 apoiadores e já conseguiu R$ 92.140,00. “Nos últimos meses, por conta da pandemia, temos sido inundados diariamente por notícias tristes, histórias e mais histórias de perdas. Nada melhor do que a solidariedade para nos sentirmos mais conectados uns aos outros nesse momento de distanciamento, mais humanos na melhor acepção da palavra. O exercício da bondade passa por nos importarmos com quem está ao nosso redor”, decresceu a voluntária na página da campanha.

    O sucesso da campanha tem sido tanto que o Grupo Victory Hotéis também abraçou a causa e hospedou o vendedor por um mês. Além disso, outras empresas também apoiaram a causa. Veja, abaixo, a história do Paçoca.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.