• Assinantes
  • Autenticação
  • Só Sabor

    Risoto de Camarão As raspas de laranja dão um sabor único ao prato.
    Quem ensina é o chef de cozinha Ricardo Vieira

    Renata Cristina
    Repórter
    12/05/2007

    Um prato saboroso, sofisticado e, ao mesmo tempo, fácil de fazer. O risoto de camarão com raspas de laranja é uma combinação única que alia bom gosto a simplicidade. Em tempos modernos, em que a permanência na cozinha é cada vez mais curta, a praticidade nas receitas torna-se imprescindível.

    Quem vai nos ensinar o passo-a- passo é o chef de cozinha Ricardo Vieira (foto abaixo), que deixou a área contábil para dedicar-se à culinária. Há dois anos, ele atua profissionalmente no ramo e aventura-se na criação de pratos saborosíssimos.

    Em seu espaço, a Néctar Delicatessen, Ricardo encontra inspiração para incrementar as suas receitas, misturando o melhor da culinária brasileira, com seus temperos, variedade de frutas e vegetais.

    Recentemente, o chef passou por um estágio no restaurante de Alex Atala, eleito chef do ano pelo Guia 4 Rodas 2006 e proprietário do restaurante D.O.M., em São Paulo, que figura entre os 50 melhores do mundo, segundo a prestigiada revista "Restaurant".

    Detalhes do risoto
    Conforme explica Ricardo, o risoto de camarão é um prato principal e, por esse motivo, não necessita de acompanhamento. Além do requinte das raspas de laranja, o vinho branco dá um sabor especial a receita.

    O chef Ricardo Vieira em sua cozinha Outra dica do chef é trocar a laranja tradicional pela lima, que tem menos acidez. O caldo de camarão pode ser retirado durante a fervura do mesmo. Já quem prefere praticidade, pode usar o caldo pronto, comprado em barra, e diluí-lo em um litro de água quente.

    O grande segredo do camarão é não deixá-lo dourar muito, na hora de refogá-lo. "Na frigideira, ele só fica avermelhado", orienta. O cozimento completo se dá no momento em que o camarão é acrescentado ao risoto. "Ele irá cozinhar com o arroz", revela.

    No momento de cozinhar o risoto, Vieira dá duas opções. "Para quem pretende manter a tradição italiana, pode deixá-lo ao dente. Por outro lado, os brasileiros preferem cozinhar mais o arroz arbóreo", esclarece. Cerca de 20 minutos são suficientes para quem opta pelo tradicional. Em meia hora, já se consegue o ponto ideal para o risoto "brasileiro".

    Para finalizar, há também um segredinho: coloque uma barrinha de manteiga e um pouco de queijo ralado com o risoto ainda na panela. Deixe derreter um pouco e desligue o fogo. "A decoração do prato pode ser feita com a própria laranja e os camarões", observa o chef. Para acompanhar, vinho tinto, à moda "d'itália" e buon apetite!

    Acesse as receitas do Só Sabor!
    Clique aqui e cadastre suas receitas.

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.