• Assinantes
  • Autenticação
  • Só Sabor

    Couve-flor é ideal para ser consumida na primavera Bonita, nutritiva e pouco calórica, a couve-flor é uma maneira saborosa de prevenir doenças, agradar aos olhos e o paladar



    Marinella Souza
    *Colaboração
    19/09/2008

    A primavera já está batendo na porta da cozinha e quem entra é a couve-flor. Uma hortaliça que, além de bonita, é versátil, saborosa, nutritiva e cada cem gramas possui, apenas, 33 calorias. Para a nutricionista Thaís Coutinho essa característica a torna indispensável no cardápio de quem quer emagrecer.

    Mas não é só o baixo teor calórico que se apresenta como vantagem, não. A couve-flor é rica em cálcio, ferro, folatos e vitaminas C e do complexo B. "Esses minerais atuam na formação dos ossos, dos dentes e do sangue. Já as vitaminas, ajudam na prevenção de problemas de pele, do aparelho digestivo e evita a queda de cabelo". Além disso, é uma hortaliça de fácil digestão, ajuda a neutralizar a acidez do estômago e é indicada também, contra prisão de ventre.

    E se você acha que só a parte branca, que lembra uma flor, pode ser consumida, engana-se. Thaís revela que as folhas verdes combatem a anemia. Trabalhando com verduras, legumes e hortaliças há 13 anos, Euclides Marques Jr. (foto abaixo) ensina que a folha pode ser usada no lugar da couve. "É igual a folha do brócolis, você pode fazer igual a couve que fica muito gostoso e é nutritivo", diz.

    Safra encontrada o ano inteiro

    Foto do vendedor Euclides Segundo Euclides, com as inovações do plantio, a couve-flor dá o ano inteiro, mas a melhor safra é mesmo no período de maio a setembro. "Na época das águas que começa no finalzinho de setembro, ela começa a 'melar' e há uma perda muito grande nesse período". Isso acontece porque a água penetra na couve-flor e dão manchas amareladas. A dica de Euclides para os produtores, é colher na parte da tarde, porque "a possibilidade de dar manchas é mínima", garante.

    Thaís ensina que na hora de comprar o ideal é escolher as de cabeça compacta, de cor branca ou creme e sem folhas escuras. Se for conservada na geladeira, resiste de três a sete dias, mas é preciso remover as partes escuras e as folhas. Como é um alimento que estraga com facilidade, a nutricionista aconselha comprar apenas o necessário para o consumo.

    A couve-flor permite muitas variações de preparo. Além da tradicional salada, Thaís comenta que ela pode ser feita à milanesa, com molhos, gratinada e na forma de tortas. Euclides acrescenta que, para saladas, a couve-flor roxa fica muito saborosa.

    Foto da Couve-flor "É uma inseminação de sementes que muda a cor da hortaliça, mas o sabor é o mesmo. O pessoal gosta de usar em saladas porque, assim como o repolho roxo, ela solta uma tinta roxa que deixa o prato muito bonito e colorido", diz.

    E mesmo depois de saber de todas as vantagens você ainda está resistindo a acrescentar a couve-flor ao cardápio por causa dos incômodos gases que a hortaliça provoca, Thaís tem a solução: "Basta cozinhá-la no vapor que vai evitar o aparecimento de gases e ajudar a evitar a perda do sabor e, principalmente, dos nutrientes".

    *Marinella Souza é estudante de Comunicação Social na UFJF


    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.