• Assinantes
  • Autenticação
  • Tecnologia

    Juizforano desenvolve carro que anda sozinho O veículo é capaz de circular e estacionar sem que haja intervenção humana. A intenção é que a tecnologia seja usada em tratores e carros de indústrias

    Aline Furtado
    Repórter
    20/4/2010

    Possuir um carro com inteligência artificial, que permite circular sozinho, além de ser capaz de estacionar sem que haja intervenção humana parece não ser mais um sonho tão distante. Isso porque o veículo que anda sozinho, chamado de Driving 4 U, ou "dirigindo para você", foi desenvolvido pelo professor do departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Leonardo de Mello Honório.

    O projeto teve início em 2006. "Pensamos em aplicar a robótica em escala maior, por isso a escolha de um automóvel", explica o professor. O custo total do carro, um modelo Zafira, que inclui todos os equipamentos, fica entre R$ 250 e R$ 300 mil. O motor do veículo original foi mantido.

    A autonomia do carro permite que o condutor não tenha mais preocupação com relação a encontrar uma vaga para estacionar. Além disso, com o carro que anda sozinho, não serão aplicadas mais multas ao falar ao celular no trânsito porque o proprietário do veículo não terá mais a tarefa de conduzir o veículo.

    O professor explica que, ao usar o automóvel, deve ser definida uma rota que aponte o ponto inicial e o final. "Além disso, podem ser fornecidas características como o caminho mais curto e mais rápido. De posse destas informações, o sistema mapeia o melhor trajeto a ser executado. No caso de obstáculos, o carro segue em outra direção, respeitando o destino previamente traçado." O veículo conta com GPS, que auxilia na precisão de posicionamento de até 40 centímetros, além de um sistema com quatro computadores.

    A velocidade, que inclui aceleração e frenagem, o direcionamento e o posicionamento do automóvel em cada trecho do trajeto são definidos pelo agente ou condutor. Com relação ao estacionamento, este é definido pelo veículo sem que haja intervenção humana. O carro possui três tipos de sensores, o laser de varredura, a visão computacional e o ultrassom, usado para identificar obstáculos. A troca de marcha é realizada de forma automática, não sendo, portanto, necessária a embreagem.

    De acordo com Honório, a intenção é que a tecnologia seja utilizada em tratores que atuam na agricultura ou em carrinhos de indústrias, onde são realizadas ações repetitivas, como carga e descarga. O professor destaca que, em alguns pontos, o carro já apresenta segurança total. "Um exemplo é quanto ao estacionamento, visto que existem sensores que identificam possíveis obstáculos. Mas não é indicado que o veículo circule sozinho pelas ruas. O ideal é que haja uma pessoa, pelo menos, para puxar o freio de emergência no caso de necessidade."

    Entre os benefícios destacados pelo professor estão a segurança, o conforto e a dirigibilidade quanto ao estacionamento. "Além disso, podemos ressaltar a integração da tecnologia à indústria. Em casos de carrinhos que precisam ir até locais perigosos à saúde, o novo carro ajudará muito, porque dispensa a presença humana." Com relação à adaptação de carros de passeio, Honório lembra que o sistema que permite que o carro se mova sozinho, sem a função de estacionamento, tem custo entre R$ 10 e R$ 15 mil.

    A novidade será apresentada ao público na próxima quarta-feira, 21 de abril, ao meio dia, no campus da UFJF. Durante a apresentação, o veículo vai circular pelo campus da instituição. A coordenação geral do projeto é do professor da UFJF, em parceria com o Grupo de Automação e Tecnologias de Informação (Gati) da Universidade Federal de Itajubá (Unifei). A realização envolve ainda uma parceria internacional, com a Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, e com o Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores do Porto, em Portugal.

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.