• Assinantes
  • Autenticação
  • Tecnologia

    Mais segurança para seus arquivos Veja o que fazer para evitar perder informações importantes que estão armazenadas em seu computador

    Priscila Magalhães
    Repórter
    29/01/2008

    Basta um pique de luz, uma poeirinha ou uma infecção e pronto. Todos aqueles arquivos importantes que você guardava no seu computador se perderam. Alguns levaram dias e noites para ficarem prontos e outros são lembranças daquela viagem de férias.

    Mas, e agora? O que fazer? A designer gráfico Elza Vandanezi Brasil ficou desesperada. "Não consegui solução. Só me restou sentar e chorar", diz ela, que perdeu 20 gigas de trabalho. "Tudo o que fiz durante seis anos sumiu, de repente".

    Por isso, Elza não confia mais no computador para guardar seus documentos e trabalhos. "Eram revistas, jornais, cartazes, folderes e arquivos de imagens. Fiquei sem eles em um momento que precisava muito, pois estava procurando emprego e fiquei sem portifólio. Me prejudicou muito", conta.

    Mas não foi por falta de sinais que Elza perdeu tudo o que tinha. O supervisor de suporte da ACESSA.com, Renato Fraga Lopes, diz que o computador que vai "pifar" sempre dá alguns sinais. "Ele começa a fazer barulho, dar estalos, a máquina fica travando constantemente e começa a dar um erro de tela azul, do Windows", explica.

    Nessa hora, a orientação é procurar serviço especializado para ver o que está acontecendo com a máquina e fazer um backup de tudo o que está salvo, para garantir que todo o trabalho não vai se perder. Não foi o que Elza fez. "Quando eu ligava o computador, o windows não entrava. Ás vezes eu conseguia usar e outras, não. Até que um um dia, ele não ligou mais", conta.

    Ela acredita que os arquivos poderiam ter sido salvos ou o problema evitado se tivesse procurado ajuda. "Não dei atenção aos sinais. Tudo isso poderia ter sido evitado", garante.

    O que fazer

    Foto de Elza Renato diz que se o disco rígido, mais conhecido como HD e onde todas as informações são salvas, queimar não há como recuperar os arquivos. "Se o HD não queimar, havendo apenas um problema na partição, pode ser que tenha solução". Segundo ele, existe um software que recupera dados, mas isso não é possível em todos os casos. "Existem empresas especializadas para isso. Elas cobram por cada mega recuperado, o que é muito caro".

    Mas ele diz que, nem sempre, o problema é no HD. "Às vezes, pode ser com o windows. Mas se o computador der problema, também corre o risco de perder tudo e aí vem a tentativa de recuperar os arquivos". Por isso, a dica é cuidar bem do seu computador e fazer backups para evitar passar pelo mesmo problema de Elza.

    Ela não tentou recuperar seus arquivos, apesar de serem importantes. "Há quatro anos, não havia muita solução para este problema. Era muito difícil, pois tinha que mandar para São Paulo", diz. Mas ela ainda tem esperança. "Até hoje tenho o HD guardado. Um dia quero tentar recuperar os meus arquivos".

    Cuidados

    Foto de Renato Primeiro é necessário verificar se a parte elétrica está funcionando corretamente. "Deve-se ter um estabilizador, porque um pique de energia pode queimar o HD, levando à perda dos dados e até do CPU. É o estabilizador que vai evitar de queimar o computador". Outra dica é tirar tudo da tomada quando chove. "O raio chega até a máquina via placa de rede, o que pode queimar a placa e o modem também".

    Não deixe o computador aberto. "Muitas pessoas fazem isso para ventilar. Ventila, mas também entra poeira e ela faz travar o computador, pois dá conflito na memória". Os vírus também podem apagar arquivos. Tenha um bom antivírus e deixe-o sempre atualizado. "Uma vez por semana deixe-o rodar para ver se há possíveis infecções na máquina".

    Além de achar difícil recuperar os dados, Elza também tinha dificuldade em fazer backups. Segundo ela, não existiam meios para isso há quatro anos. Hoje, existem algumas formas e nem todas muito confiáveis. É o que diz o supervisor de suporte da ACESSA.com. "O disquete já foi abolido. Então, faça os backups em CDs ou DVDs, de acordo com o tamanho dos arquivos, pois eles têm 700 Mb e 4.7 Gb, respectivamente".

    Mas em caso de guardar os arquivos em CDs ou DVDs, preste a atenção se estão em boas condições, pois também não são muito confiáveis. "São mídias magnéticas e também se perdem em caso de arranhões. Armazene em local arejado, seguro e sem interferência magnética", aconselha.

    Foto de cd Foto de modelo de bakcup Foto de cd

    Além disso, backups também podem ser feitos em HDs removíveis. Para Renato, essa é a forma mais segura. "É um bom backup, pois é confiável. Então é a forma mais aconselhável, desde que seja armazenado em local seguro e que as quedas e esbarrões sejam evitados". Hoje, também há os pendrives, também considerados uma boa forma de armazenamento.

    Mesmo com tantas formas de armazenagem dos dados, Elza não aprendeu a lição. "Ainda não tenho o costume de fazer backups em casa e nem no trabalho. Preciso começar a fazer isso", diz. E Renato completa. "Não é bom guardar coisas importantes só no computador. Salve os trabalhos na máquina, na hora, e passe para o backup quando terminar tudo. A maioria das pessoas não toma essa medida de segurança".

    Enquete
    Você já perdeu arquivos importantes do seu computador?
        Não
        Sim, mas recuperei
        Sim e não recuperei
       


    Se você é usuário ACESSA.com e tem outras dúvidas sobre este assunto, envie um email para suporte@acessa.com ou entre em contato pelo telefone: 2101-2000, todos os dias, inclusive sábados, domingos e feriados no horário de 8h às 0h.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.