Terça, 02 de julho de 2007, atualizada às 18h15

Estudantes de JF viajam para Projeto Rondon



Thiago Werneck
Colaboração*

Uma viagem para resgatar cidadania e dar exemplo de solidariedade. É com esse espírito que os estudantes de uma instituição de ensino superior de Juiz de Fora, viajaram até o Vale do Jequitinhonha para participar do Projeto Rondon. Vinte e quatro alunos saíram da cidade, nessa segunda-feira, dia 02 de julho para as cidades de Almenara e Bandeiras no norte do estado.

Acadêmicos de enfermagem, direito, turismo, educação física, publicidade e propaganda e fisioterapia vão prestar serviços para a comunidade da região mais carente do estado. Cada um deles passou por treinamentos na faculdade para desenvolver o trabalho social.

Os futuros enfermeiros fazem campanhas de conscientização sobre parasitoses, doenças sexualmente transmissíveis, exames preventivos e ajudam agentes de saúde a estarem mais preparados para atender a população. Eles destacam a importância da prevenção através de palestras e distribuição de cartilhas.

A coordenadora geral de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da instituição, professora Cristina Drumond, ressalta que essa é a quarta vez que os alunos participam do projeto Rondon. "São pessoas muito carentes, eles precisam dessa ajuda. É um trabalho social excepcional e uma experiência fantástica para os estudantes", destaca.

Antes de viajarem, os alunos passaram por um processo de seleção e fizeram oficinas com os professores para conseguirem ainda melhores resultados no projeto. "Eles tiveram um acompanhamento extenso e estão aptos para realizar esse trabalho. Levaram várias atividades, oficinas, idéias para lá. O mais interessante é que devem retornar ainda com mais bagagem e têm uma imensa possibilidade de conhecer uma outra realidade", avalia Cristina.

Além do auxílio das enfermeiras, alunos do curso de direito vão prestar assessoria sobre estatuto da criança e adolescente, estatuto do idoso e ainda dar apoio à prefeitura em questões do Conselho Tutelar. Os estudantes de educação física vão desenvolver atividades de recreação e lazer para crianças e idosos, com ajuda dos alunos de turismo e do estudante de fisioterapia.

E são os acadêmicos de turismo, que passaram por oficinas de educação ambiental, e vão repassar várias questões da área para população local. Já os estudantes de comunicação vão produzir três documentários: um sobre o dia-a-dia nos carvoeiros da região, outro sobre as lavadeiras e o terceiro acompanhando o passo a passo dos acadêmicos, nessa quarta participação no projeto Rondon. Os alunos estão acompanhados por professores e devem retornar para Juiz de Fora no dia 16 de julho.

*Thiago Werneck é estudante de jornalismo da UFJF


Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.