Terça-feira, 18 de dezembro de 2007, atualizada às 18h12

Movimento para a conservação do Parque Halfeld e dos prédios antigos em volta dele tem início nesta quarta


Priscila Magalhães
Repórter

A primeira reunião com a comunidade acontece nesta quarta-feira, 19 de dezembro, às 14h30, na sede da Funalfa. O encontro faz parte do "Projeto de sensibilização dos transeuntes do Parque Halfeld: iniciativas para a preservação do Patrimônio Cultural".

"Queremos trabalhar a educação patrimonial com todas as pessoas que freqüentam o local e com as que passam por ali todos os dias. O objetivo é sensibilizar e mostrar sua importância cultural, sua história e também a dos prédios antigos que ficam em torno dele", diz a historiadora da Divisão do Patrimônio Cultural da Funalfa, Érika Aleixo.

Entre os problemas detectados naquela região, estão a sujidade, no Parque e nos prédios. "As pessoas sentam e colocam os pés nas paredes dos prédios, jogam detritos nos jardins, o que prejudica as plantas e os animais, e até urinam no local. Estamos dando início a uma série de movimentos para reduzir a poluição no Parque e eles vão continuar no ano que vem", explica Érika.

Um dos problemas causados pela sujidade é a proliferação dos pombos no Parque e este é o tema central da primeira reunião. A população vai aprender que os pombos não são inofensivos e transmitem doenças. Érika diz que a melhor maneira de controlar a proliferação destes animais é evitar a alimentação.

"Eles estão adaptados a se alimentarem de grãos, sementes, restos de comida e pipoca. Por isso, temos que conscientizar todos que passam por lá e também os pipoqueiros Eles são uma praga urbana e provocam doenças", ressalta Érika. A reunião é aberta ao público e é uma parceria do Departamento de Zoonoses e da Funalfa. "Vamos fazer a apresentação histórica do Parque e sua importância para a cidade e, depois, vamos mostrar os malefícios causados por estes animais", completa.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.