• Assinantes
  • Autenticação
  • Turismo



    Quinta-feira, 24 de janeiro de 2008 atualizada às 17h58

    Expominas JF ainda não divulgou calendário de eventos para 2008, mas Instituto Cândido Tostes já confirmou que Congresso de Laticínios vai ser no local


    Thiago Werneck
    Repórter

    O maior espaço de eventos de Juiz de Fora, Expominas, ainda não teve calendário divulgado para 2008. A Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), que administra o espaço, afirma que o calendário de eventos ainda está sendo fechado e só poderá ser divulgado nessa sexta-feira, dia 25 de janeiro.

    Porém um dos maiores eventos que já aconteceu no local, o Congresso de Laticínios do Instituto Cândido Tostes já está confirmado para o Expominas, entre os dias 14 e 17 de julho. Essa será a segunda vez que o evento acontece no espaço que agradou apesar da falta de linha para telefonia móvel.

    O Expominas de Juiz de Fora foi planejado para receber cerca de 50 eventos por ano, mas por enquanto a meta está longe de ser alcançada. Um espaço em que já foi investido R$ 65 milhões e que deixou de realizar grandes eventos por falta de infra-estrutura.

    O primeiro problema detectado foi a falta de um acesso seguro para sair da BR-040 e entrar no local. A falta de telefonia celular também atrapalha. Problemas que, quase dois anos depois, começam a ser solucionados. O acesso foi reformado e as empresas de celular devem colocar uma antena conjunta para atender o espaço, ainda em 2008.

    O espaço tem uma área total de 180 mil m2; Pavilhão de exposições com 13 mil m2: Núcleo para convenções; sala de convenções com 2 mil lugares; área de multi-eventos para abrigar até 12 promoções; seis salas de apoio com capacidade para 270 pessoas cada uma.

    As salas podem ser unidas em três grupos, cada bloco com capacidade para 800 pessoas, ou em um grande espaço para 1.600 pessoas; estacionamento para 2 mil veículos; Espaço para cabine de tradução simultânea; telefones públicos e áreas administrativa, sanitária, de segurança e de atendimento médico.

    Mesmo com toda essa estrutura eventos foram cancelados por dificuldades no acesso. Um exemplo, é o Action Fair Brasil, encontro de esportes radicais, programado para maio e impedido de ser realizado em Juiz de Fora. A expectativa é de que ele injetasse na cidade R$ 20 milhões.

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.