Operação Padroeira vai fiscalizar 15 rodovias da região

Bafômetros e radares serão utilizados para coibir as irregularidades e diminuir os acidentes neste feriado prolongado

Andréa Moreira
Repórter
11/10/2012
Rodivia 0-40

A Operação Padroeira, realizada durante o feriado prolongado de 12 outubro, teve início a 0h desta quinta-feira, 11 de outubro, e segue até às 24h, do próximo domingo, 13. Nestes dias, o aumento de veículos nas rodovias federais que cortam Juiz de Fora, deve ter um aumento de 40%, como destaca o inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Flávio Loures. "Em todo feriado que cai próximo ao final de semana, o fluxo de veículos nas rodovias quase dobra."

Durante estes dias, todo o efetivo da PRF irá percorrer o trecho da BR-040, entre a divisa do trevo de Bicas e o viaduto das Almas, em Congonhas. Já na BR-267, os policiais irão patrulhar o trecho entre os trevos de Bicas e Bom Jardim de Minas. "Iremos fiscalizar o excesso de velocidade e se os ocupantes estão utilizando todos os equipamentos de segurança, como o cinto e a cadeirinha, por exemplo. Também iremos fazer testes com bafômetro nos condutores." Para fazer contato com o serviço de emergência da Polícia Rodoviária Federal, o usuário deve ligar para 191.

O trecho da BR-040 atendido pela Companhia de Concessão Rodoviária Juiz de Fora-Rio (Concer) também irá operar em esquema especial de atendimento durante o feriado de Nossa Senhora Aparecida. A expectativa da Concessionária é que 321,7 mil veículos utilizem a Rio-Juiz de Fora no período de quinta-feira, 11 de outubro, a domingo, 14. A informação é da assessoria de imprensa da companhia, que destaca o reforço no atendimento nas três praças de pedágio da rodovia, entre o Rio de Janeiro e Juiz de Fora. Nestes locais serão colocados 44 papa-filas para dar mais rapidez ao fluxo de tráfego pelas vias de pagamento.

A assessoria ressalta que o Centro de Controle Operacional, que monitora as condições de trânsito e clima na rodovia 24 horas por dia, aumentará o número de reboques para remover veículos com pane mecânica, principalmente em trechos de maior circulação de usuários, como na Baixada Fluminense e Serra de Petrópolis.

Em caso de necessidade de atendimento médico ou mecânico na rodovia, o motorista deve acionar a concessionária por meio da Central de Atendimento ao Usuário, pelo telefone 0800-282-0040. Portadores de deficiência auditiva e de fala devem ligar para 0800-281-0041. A concessionária recomenda que o motorista evite horários de maior fluxo de tráfego na rodovia que são: sexta-feira, 12, das 10h às 13h; sábado, 13, entre 11h e 18h; e domingo, 14, de 11h às 17h.

Estradas estaduais

A 4ª Companhia de Meio Ambiente e Trânsito Rodoviário também deu início à Operação Padroeira nesta quinta-feira, 11, às 8h, mas ela irá encerrar apenas na próxima segunda-feira, 15, às 6h. De acordo com a assessoria da Polícia Militar, neste período, haverá apoio da Administração da Companhia e dos Pelotões de Meio Ambiente de Juiz de Fora, Ubá e Cataguases.

Os policiais militares estarão em pontos estratégicos das rodovias equipados de radar e bafômetro. A assessoria da PM destaca que serão priorizadas as fiscalizações relativas à documentação, estado de conservação dos veículos, uso de cinto de segurança, transporte correto de crianças nas cadeirinhas e assentos, transporte clandestino de passageiros, excesso de velocidade, uso de bebidas alcoólicas e porte ou transporte de armas de fogo e drogas. 

Já os policiais do Meio Ambiente irão fiscalizar o transporte irregular de produtos e subprodutos da fauna e flora,além do transporte de animais e aves silvestres. Paralelamente, acontece o patrulhamento aquático nos principais mananciais, parques e reservas. Durante as blitzen serão distribuídos informativos e folders aos usuários sobre orientações e condutas a seguir.

Rodovias sob a responsabilidade da Polícia Militar:

  • BR-120 – Teixeiras/Viçosa, Viçosa/Visconde do Rio Branco, Cataguases/Leopoldina;
  • BR-393 - Entroncamento BR-116/Pirapetinga;
  • MG-124  - Senador Firmino/Ubá;
  • MG-126 - São João Nepomuceno/Bicas e Bicas/Mar de Espanha;
  • MG-133 - Rio Pomba/Coronel Pacheco;
  • MG-353 - Piraúba/Coronel Pacheco, Coronel Pacheco/Juiz de Fora e Juiz de Fora/Rio Preto;
  • MG-447 - Ubá/Visconde do Rio Branco;
  • MG-850 - Ubá/Rodeiro e Rodeiro/Entroncamento com a MG-285;
  • MG-874 - Juiz de Fora/Matias Barbosa e Matias Barbosa/Simão Pereira;
  • MGT-265 - Ubá/Rio Pomba e Rio Pomba/Mercês;
  • MGT-285 - Entroncamento MGT-265/Dona Euzébia;
  • LMG-874 - Juiz de Fora/Matias Barbosa e Matias Barbosa/ Simão Pereira;
  • ALMG-3050 - Juiz de Fora/Chácara;

Acidentes

A Polícia Militar lembra que os acidentes acontecem devido ao excesso de velocidade, desrespeito à sinalização, imprudência, ingestão de bebidas alcoólicas e uso de drogas. Ultrapassagens indevidas, falta de atenção e má visibilidade, causada por chuva, neblina e cerração também estão entres os agravantes de acidentes.

Rodovias e trechos que requerem maior atenção

  • MG-126 - Rio Novo/São João Nepomuceno: km 0 ao km 3 e km 12 ao km 15 – curvas acentuadas;
  • MG-133 - Rio Pomba/Juiz de Fora: km 19 e km 28 – curvas acentuadas;
  • MG-353 - Juiz de Fora/Coronel Pacheco: km 60, km 62 e km 64 – curvas acentuadas;
  • MG-353 - trevo da BR-040/Santa Bárbara do Monte Verde: km 96 ao km 120 – trecho sinuoso;
  • MGT-265 - Rio Pomba/Ubá;
  • MG-447 - Ubá/Visconde do Rio Branco;
  • BR-120 - Visconde do Rio Branco/Teixeiras;
  • LMG-874 - Juiz de Fora/Matias Barbosa: Km 0 ao km 10 – trecho sinuoso.

Parques e reservas ambientes

Quem pretende viajar para parques ou reservas ambientais, a primeira providência que deve tomar e se informar sobre o regulamento do local. A Polícia Militar orienta para as pessoas ficarem sempre em grupos e não se aventurarem em locais desconhecidos. Durante as caminhadas, as pessoas devem levar água em recipientes de alumínio, pois estes não quebram.

A mochila também deve conter um kit de primeiros socorros e alimentos leves. Por fim, os policiais orientam para que o visitante traga de volta o lixo gerado durante o passeio; além de não fumar, evitando assim a queimada; e principalmente que não retire das florestas animais silvestres e plantas.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.