• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde


    Artigo
    A outra face do segredo

    ::: 31/07/2007

    "A decepção sempre é indispensável para dar
    assento ao sentimento de realidade"

    Charles Melman

    O filme "O Segredo" é realmente fantástico, vale a pena ser visto e revisto. É o que todos nós, no fundo, já ouvimos de nossos pais, avós, padres, pastores, mentores, enfim, de todos aqueles do bem. Mas a autora desta obra foi muito feliz ao reunir tantas informações positivas e cientificamente comprovadas - a famosa força da atração.

    Mas, para entendermos melhor esta obra, não podemos perder de vista a outra face, que é o sofrimento, a frustração. Aliás, talvez seja preciso pensar por que passou a ser tão insuportável, ao homem, conviver com estes fatores, quando a vida é inevitavelmente pautada por alguma dor.

    É importante pararmos para analisar que, é a partir do aprendizado da dor e da frustração, que conseguiremos partir para a sintonia de nossos desejos. Tomando o grande cuidado com aquilo que se vai desejar, a força da atração pode trazer-lhe o desejado e as conseqüências podem ser desastrosas.

    O homem só é humano porque parte dele necessita continuar insatisfeita, já que ele convive com outras pessoas que têm outros desejos, ou seja, conviver com as diferenças.

    Outro grande cuidado que deve ser tomado: deseje o seu auto-aprimoramento, pautado na sua reforma íntima, que conseqüentemente mudará sua sintonia para melhor.

    Tirar de nossa mente a errônea idéia de que o outro se modifique para nos satisfazer, que o outro resolva abrir mão para mim disso ou daquilo, que o outro aprenda a se sacrificar para me satisfazer nisso ou naquilo, que o outro pare de fazer ou de usar isso ou aquilo, e por aí vai. O outro, o outro, o outro...

    Mentalizar a casa dos sonhos, o carro dos sonhos, ou seja, coisas materiais - nada de mais e até bem louvável - incrível e benéfico, mas continue odiando aquele amigo, maltratando familiar e, no escondidinho, colocando suas perversões para funcionar, conseqüentemente a força da atração terá imensas dificuldades de trazer-lhe os pedidos. Eles poderão até acontecer, mas o objetivo maior poderá voltar-se contra e não a favor.

    Quando me refiro à outra face, me refiro a suportar a própria onda negativa, evitando projetá-la nos outros. Sabendo lidar com as próprias frustrações, entendendo que preciso aprender a lidar com tudo isso, que necessito trazer o melhor de mim - que é dificílimo. Para, assim, sintonizar, atrair e merecer o meu maior desejo.

    Palavra-chave? Transmutar (eu mesma).


    Ana Stuart
    é psicóloga e terapeuta familiar

    Sobre quais temas (da área de psicologia) você quer ler novos artigos nesta seção? A psicóloga Ana Stuart aguarda suas sugestões no e-mail viver_psique@acessa.com.



    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.