Idosos x Doenças de Inverno
Cuidados e orientação para os vovôs e vovós aproveitarem
saudáveis a nova estação

Tâmara Lis
24/06/03

Chegou o inverno! E com ele o perigo de algumas doenças mais comuns nesta época do ano. Especialistas explicam que no inverno, o ar fica mais frio e seco. Esta mudança irrita as vias respiratórias facilitando a ação dos vírus.

Desta forma o organismo fica mais susceptível a doenças como resfriados, gripes, laringite, bronquite e pneumonia. Os idosos devem ter um cuidado ainda maior já que possuem um sistema imunológico mais frágil.

Vacina
Na tentativa de diminuir a incidência de uma das doenças mais comuns nesta época do ano: a gripe, foi estabelecido pelo governo federal um programa de vacinação direcionado à pessoas da terceira idade.

A chefe do Departamento da Terceira Idade da prefeitura de Juiz de Fora Diana Moura conta que esta é uma das medidas mais importante para os idosos que querem se manter saudáveis durante o inverno.

E não adianta tomar a vacina apenas uma vez não. É preciso se vacinar todos os anos já que o vírus da gripe tem uma capacidade muito grande de mutação. Só está liberado de tomar a vacina quem tem alergia à proteína do ovo e ao Timerosal (mercurocromo e mertiolate).

Os portadores de doenças neurológicas ativas e indivíduos que tiveram Síndrome de Guillain Barré também não devem tomar a vacina contra gripe.

Cuidados

  • Antes de vestir aquela roupa ou usar o cobertor que ficou guardado durante todo o inverno não se esqueça de lavar bem as roupas e colocá-las no sol para retirar toda a poeira e evitar irritações e alergias.
  • beba bastante liqüido
  • faça exercícios respiratórios
  • faça caminhada em locais não poluídos
  • não se esqueça de tomar a vacina
  • mantenha os ambientes da casa sempre arejados e com incidência de sol

  • Orientações de quem entende!
    Diana Moura alerta ainda para a necessidade de, no caso de o idoso sentir algum mal estar ou incômodo, procurar um profissional especializado para receitar a medicação mais adequada para cada caso "Às vezes a auto-medicação além de não ajudar, pode piorar a saúde a saúde do idoso. É muito importante, além de tomar a vacina, não fazer jamais a auto-medicação” salienta.

    A chefe do Departamento da Terceira Idade da prefeitura de Juiz de Fora informa ainda que acontecem quinzenalmente às terças-feiras, às 14h30, reuniões no Departamento de Saúde da Terceira Idade para esclarecer os idosos com relação aos cuidados que devem tomar para se manterem saudáveis.

    Então que fique claro: nada de auto-medicação! A não ser aqueles remedinhos caseiros como a famosa Canja de Galinha; que como bem sabem os vovôs e vovós: não faz mal a ninguém!

    Conteúdo Recomendado

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.