Cem anos bem vividos
Juizforanos, que vivem h? mais de um s?culo, ensinam que
o segredo da vida longa ? a alegria!

Renata Cristina
*colabora??o
09/05/2005

Os entrevistados Toni C?sar (106 anos) e Jos? de Freitas (100 anos) contam os segredos para se chegar aos cem anos.


Voc? j? sorriu hoje? N?o? Ent?o, trate de ser feliz! O ex-corretor de im?veis, Toni C?sar de Oliveira Leite e o aposentado Jos? de Freitas e Silva garantem: o segredo da vida longa est? na alegria..."Procure estar sempre alegre e de bem com a vida. Se algum fato lhe aborreceu, n?o guarde raiva", aconselha Toni. E, Jos? de Freitas completa: "Nunca fique muito preocupado com as coisas do dia-a-dia. Se vai dormir, deite sem preocupa?es. Viva alegre e feliz".

E, aten??o, eles t?m toda autoridade de dizer isso. S?o palavras de homens juizforanos que j? viveram mais de um s?culo e, ? claro, t?m muita hist?ria pra contar...

Eles s?o exemplo!
Quem tem a oportunidade de conhec?-lo, n?o acredita que este ilustre e simp?tico senhor (foto ao lado), nascido em 17 de mar?o de 1899, tem 106 anos. L?cido, bem disposto e muito vaidoso, Toni recebeu nossa equipe de terno, gravata e perfumado! Al?m de viver sempre sorrindo e de bem com a vida, ele atribui sua sa?de ? alimenta??o equilibrada e ? gin?stica que faz todas as manh?s.

Ele conta que desde pequeno teve uma nutri??o balanceada, com a ajuda do pai que era m?dico. "Comia frutas do pomar, tomava leite de vaca e uma vitamina para o fortalecimento", recorda. Para o veterano, o segredo est? no equil?brio. "A vida deve ser levada sem extravag?ncia. Procuro comer moderadamente, mas com qualidade. Tomo muito leite, gosto muito de verduras e legumes".

V?cios? Toni se rendeu ? tenta??o do cigarro durante dez anos. "Sabia que fazia mal, por isso resolvi parar de vez". Seu pulm?o? Vai muito bem, obrigado. J? a sua rela??o com o ?lcool sempre foi amistosa e, inclusive, ele aconselha a todos meio copo de vinho durante as refei?es. "Bebo moderadamente e n?o ? todo dia que tomo vinho, ?s vezes, at? me esque?o dele. Gosto mesmo ? de tomar uma cervejinha com os amigos no cal?ad?o da Rua Halfeld, todos os s?bados vou l?", confessa.

E o "seu" Toni n?o ? o ?nico na cidade que chegou a um s?culo. O advogado e professor aposentado Jos? de Freitas e Silva (foto abaixo) completou cem anos, no ?ltimo dia 05 de abril. Rec?m-chegado ? idade que desperta admira??o e curiosidade de muitos mortais, Freitas revela que nunca havia pensado em viver tanto. "S? me dei conta disso quando fiz 90 anos", diz.

Assim como "seu colega de s?culo, de vida", Jos? de Freitas se alimenta da comida tipicamente mineira. "Fui criado no norte de Minas e acostumado a comer arroz, muito feij?o, batatas, folhas e pouca carne. As frutas dessa regi?o s?o muito saud?veis e sempre que posso como caju do campo, mangaba, pequi, murici, melancia, laranja e lima".

Desde a inf?ncia, Freitas revelou-se um atleta mult?plice e entre uma entrega de leite ali, outra acol? - ele caminhava seis quil?metros todos os dias. Quando come?ou a estudar no col?gio Granbery, passou a treinar futebol, basquete e corrida em longas dist?ncias. "Diariamente, corria do centro da cidade at? o Morro do Imperador. No futebol, ajudei o col?gio a ganhar um campeonato l? em Belo Horizonte".

Para Freitas, o trabalho ? o melhor amigo do homem. "Fui leiteiro, sapateiro, selador, eletricista (inaugurou a luz el?trica em Birigui e Ara?atuba - SP), balconista, professor, comendador, escritor e advogado. Atuei na articula??o pol?tica para a elei??o de Juscelino Kubitschek, ajudei em alguns temas para o seu discurso na cidade e combinei que se ele fosse eleito, fundaria a Universidade Federal de Juiz de Fora".

Ainda assim, o homem das nove profiss?es arranjou tempo para conhecer quase todos os pa?ses do mundo. "S? n?o fui onde n?o tive garantia de vida, como o Chile, o Egito e a Gr?cia. Adorei a China, o Jap?o, a Alemanha e a R?ssia, mas o lugar mais bonito do globo ? o Brasil".

Os segredos da maturidade
Para o professor de educa??o f?sica, Marcelo Brigatto (foto ao lado) - leia a entrevista sobre envelhecimento - a receita da longevidade est? numa combina??o de h?bitos saud?veis como se exercitar, se alimentar bem, dormir bem, n?o fumar e evitar os excessos de bebidas alco?licas. "? importante n?o "deixar pra l?" sintomas relacionados ? sa?de que devam ser cuidados, elevar a auto-estima, rir bastante e tentar ser realizado e feliz", refor?a.

Segundo o professor, o envelhecimento ? um processo natural dos seres vivos. "Na verdade envelhecemos desde que nascemos, e as perdas funcionais do organismo, come?am a ocorrer muito antes da fase reprodutiva", diz. Brigatto acredita que a alimenta??o ? um dos fatores que podem evitar o envelhecimento. "Ingest?o adequada de calorias favorece o nosso organismo de maneira geral. Al?m disso deve-se haver um equil?brio entre a ingest?o de carboidratos, prote?nas, gorduras, minerais, vitaminas e principalmente ?gua."

O contato com a natureza e as pessoas tamb?m ? destacado pelos veteranos. "Respiro o ar puro da manh?. ? o melhor do dia", revela Freitas. "Tenho muitos amigos e adoro falar com eles pelo telefone ou visit?-los pessoalmente. Temos que sair de casa, conversar, passear, dan?ar e se divertir um pouco. Adoro tamb?m distribuir presentes".

Aumento da expectativa de vida
Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estat?stica (IBGE), na d?cada de 40, a expectativa de vida do brasileiro era de 43 anos e hoje j? ultrapassa os 70, em Juiz de Fora estima-se uma expectativa de 78 anos.

De acordo com a psic?loga e coordenadora de Pesquisa do P?lo Interdisciplinar na ?rea de Envelhecimento da UFJF, Cristiane Novaes (Leia a entrevista), esta mudan?a est? relacionada ? melhora da qualidade de vida e ao maior n?mero de informa?es acerca de fatores de risco. "Sabemos que o cigarro faz mal, que ? importante ter uma atividade f?sica regular, que doces, excesso de sal e gorduras causam problemas metab?licos, cardiovasculares. Isso n?o era t?o claro h? 40 anos atr?s, para nossos av?s e pais", diz".

CURIOSIDADE:
A mulher mais velha do Brasil ? Maria Ol?via da Silva (foto ao lado), que completou 125 anos, no dia 28 de fevereiro de 2005. Em seu registro de nascimento consta que Maria Ol?via nasceu em 1880 no munic?pio de Itapetininga, SP.

Ela vivenciou fatos hist?ricos, como a Aboli??o da Escravid?o, a Proclama??o da Rep?blica e, inclusive, se recorda de alguns deles. Ol?via superou o recorde de Ana Martinha que faleceu em 27 de julho de 2004 com 123 anos.

Leia mais:

  • Cristiane Novaes - Psic?loga e coordenadora de Pesquisa do P?lo Interdisciplinar na ?rea de Envelhecimento da UFJF
  • Marcelo Brigatto - Professor de Educa??o F?sica
  • *Renata Cristina ? estudante do 8? per?odo da Faculdade de Comunica??o da UFJF