• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Um pilão cheio de musicalidade O grupo Moinho nasceu na Lapa e conquistou o Brasil com o resultado de um encontro de sonoridades distintas

    Aline Furtado
    Repórter
    4/11/2009

    Um grupo que nasceu de forma despretensiosa. Assim pode ser descrito o Moinho, formado por Emanuelle Araújo (voz), Lan Lan (voz e percussão) e Toni Costa (violão). Foi a partir de apresentações na Lapa, conhecido reduto boêmio da cidade do Rio de Janeiro, onde ocorrem manifestações culturais e musicais, que a banda conquistou o Brasil.

    Segundo a percussionista Lan Lan, que é baiana e mora no Rio há 20 anos, o Moinho foi criado a partir de um encontro de amigos. "Eu e o carioca Toni frequentávamos a Lapa. A baiana Emanuelle se encantou com o movimento cultural do local. A partir daí, começamos a tocar juntos." Lan Lan destaca que não havia o objetivo de desenvolver um projeto maior. "Reunimos amigos que têm admiração pela música brasileira e, assim, surgiu o Moinho, de forma muito espontânea."

    Os shows, que ocorriam uma vez por semana, eram planejados no palco, local onde eram testados os arranjos e experimentadas as canções. "O Moinho é do palco, uma banda do "ao vivo"." A Lapa era um ponto de encontro para os integrantes do grupo, para os amigos e para o público que prestigiava o Moinho. O repertório era formado basicamente por músicas já conhecidas. Depois, foram inseridas composições próprias. "Tocávamos canções conhecidas, de compositores ligados ao samba, mas aproveitávamos para testar a receptividade do público com relação às nossas músicas."

    MoinhoDurante quatro anos e meio, as apresentações foram realizadas na Lapa, o que despertou a atenção de uma gravadora. O resultado foi a produção do primeiro CD, intitulado Hoje de Noite, lançado em 2008. No trabalho, que traz canções inéditas, a música Esnoba ganhou destaque depois de emplacar como tema de uma personagem da novela Beleza Pura, da Rede Globo. "Após o lançamento do primeiro CD e da música cair no gosto da galera, começamos a fazer shows por todo Brasil."

    O grupo lançou, recentemente, o CD/DVD Moinho Ao Vivo e está em turnê pelo país. O álbum será mostrado aos juizforanos nesta sexta-feira, dia 6 de novembro. "Estivemos na cidade em setembro e a receptividade do público foi muito boa. Estamos animados por poder voltar tão rápido."

    "O Moinho é brasileiro"

    O nome Moinho se deve à música Moinho da Bahia, de Dorival Caymmi, um dos sambistas que influenciou diretamente no trabalho da banda, assim como Riachão, outro sambista baiano. Segundo Lan Lan, as pessoas se referiam ao grupo como Moinho, o que fez com que o nome inicial virasse apelido. "Isso é bom porque o Moinho não é só da Bahia, é de Minas, é do Rio, o Moinho é brasileiro."

    Para a percussionista, o nome explica a sonoridade do grupo. "Moinho é um pilão onde moemos de tudo, nossas raízes, musicalidades e influências. É uma gostosa mistura baiana e carioca que tem o samba como tempero principal", afirma referindo-se às experiências musicais de cada um dos integrantes.

    Toni Costa traz na bagagem trabalhos com Caetano Veloso, Maria Betânia e Gal Costa. Lan Lan tocou com Nando Reis, Marisa Monte e Cássia Eller. Já Emanuelle Araújo assumiu os vocais da Banda Eva após a saída de Ivete Sangalo.

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    estão em turnê

    receptividade em JF mto boa e feliz por estar voltando para mais um música


    com o tempo, vieram as composições, LanLan e Toni principalmente, que eram testadas junto ao público durante os shows onde interpretavam músicas de sambistas

    novo CD/DVD - registro o vivo, para mostrar o repertório que não foi mostrado pelo primeiro CD

    projetos futuros: viagens pelo turnê

    surgiu tão naturalmente, de forma tão espontânea

    show Juiz de Fora: podem esperar um show diferente, com várias novidades, músicas novas, coisas inusitadas.

    animado por voltarem a JF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.