• Assinantes
  • Morre o ator, professor e jornalista Robson Terra

    Terra deu entrada no hospital na manhã desta terça-feira, 10 de abril, teve uma parada cardíaca e não resistiu aos procedimentos médicos

    Jorge Júnior
    Repórter
    10/4/2012
    robson

    O jornalista, professor universitário e ator, Robson Terra, conhecido como o homem de 40 profissões, morreu, nesta terça-feira, 10 de abril, no Hospital Monte Sinai.

    Terra deu entrada na unidade de emergência às 10h50, quando sofreu uma parada cardíaca, mas ele não resistiu aos procedimentos de reanimação. A morte foi confirmada pelos médicos, às 12h. Segundo a assessoria do hospital, o velório será em Chácara. O enterro ocorre às 10h, na cidade natal do professor.

    Surpresa com a notícia, a jornalista e apresentadora Leda Nagle lamenta a perda do ator. "Estou chocada. Robson era uma pessoa cheia de vida, animado, agitado e alegre. Esta é a imagem que guardo dele desde o tempo do grupo Divulgação, quando o vi pela primeira vez. Acho que ele vai fazer muita falta a todos nós e à cultura de Juiz de Fora, pela qual ele se empenhava com carinho e muito trabalho", afirma.

    O professor e diretor do Centro de Estudos Teatrais Grupo Divulgação, José Luiz Ribeiro, também lamenta a morte de Robson Terra. "Conheci o Robson ainda menino, quando ele tinha 16 anos. Ele fez a peça Cancioneiro de Lampião, logo no começo do Divulgação. Mantemos uma relação muito boa, o adotei como pessoa, como amigo e como ator. Fizemos muitos espetáculos juntos. Este ano, a peça A Morta, de Oswald de Andrade, em que Terra viveu o personagem Urubu de Edgard, papel que ele adorou interpretar, completa 40 anos", lembra. Ribeiro diz ainda que tinha escrito a introdução do livro do jornalista, que seria lançado este ano.

    O jornalista e colunista social Ricardo Cavalcanti também comenta a perda. "Estou muito triste com a perda do amigo Robson Terra. Com uma carreira extensa, Robson era considerado um artista completo. Um intérprete perfeito no teatro e um diretor minucioso, pois era preso aos mínimos detalhes. Juiz de Fora perde um filho que muito a amava. Nosso conhecimento somava 40 anos. Fui seu aluno em um curso sobre a arte de falar em público: muito produtivo... muito engraçado... Descanse em paz, Robson."

    Homenagem

    robson_terraPelo Facebook, o professor e jornalista Márcio Guerra deixou sua mensagem ao amigo. "Atordoado, sem ação e sem rumo. Assim estou eu, cercado de alunos, assustados. Afinal, acabamos agora mesmo de editar o Mosaico que vai ao ar segunda-feira [16 de abril], com a sua participação. Meu querido amigo, ficou tão linda sua participação. Ficou tão digno do seu talento, que decidimos que vamos colocar no ar sim, com a dor da saudade, com tudo aquilo que você merece. Quanta saudade. Quanta dificuldade de expressar o que estou sentindo. E você que estava tão curioso para saber como tinha ficado... Ficou. Espero que segunda-feira, de onde você estiver, você saiba que o programa é o reconhecimento a tudo que você fez por nós, seus amigos."

    O ator e humorista Gustavo Mendes também escreveu na rede social sobre a morte do professor. "Estou chocado com a notícia do falecimento do grande Robson Terra. Esse gênio da arte de interpretar era mais que um grande ator/professor, era um grande homem, generoso, honesto. Ainda espero, sinceramente, que seja mentira."

    Sobre Robson Terra

    Terra era mestre em Comunicação e Tecnologia pela FUPAC. Bacharel em Comunicação pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), com habilitação em jornalismo (1978). Pós-graduado em Marketing, pela Faculdade Machado Sobrinho (1993). Professor titular da Universidade Salgado de Oliveira (Universo) em Juiz de Fora, nos cursos de Produção Audiovisual, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Pedagogia, Enfermagem, Administração e Estética. Professor da Faculdade Ozanam Coelho (Fagoc), em Ubá, no curso de Jornalismo. Foi também professor do curso de Especialização Comunicação e Arte do Ator da UFJF.

    Atuou como ator, diretor, designer de figurinos, além de produtor cultural e em palestras sobre oratória no Direito e a arte de falar em público. Terra era colecionador de revistas dos anos 1960. Foi entrevistado por Jô Soares, em 14 de dezembro de 2004, como o homem de quarenta profissões.

    Veja imagens da carreira de Robson Terra

    Fotos: Arquivo pessoal/ Robson Terra
    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.