Casa

Saiba como construir a sua piscina

O lazer pode ser mais barato do que você imagina

Ludmila Gusman
07/01/02

Há pessoas que não gostam de ir ao clube e preferem que a piscina esteja bem pertinho: no quintal da sua residência. E quem pensa que esta é uma tarefa difícil está enganado. As piscinas estão cada vez mais populares. É claro que, diversos fatores como tipo de solo, posição do sol, tamanho do terreno poderão interferir, mas o fundamental é a sua vontade de investir.

Não pense que para isso você precisa ter muito dinheiro. Hoje em dia, as diversas opções permitem que você pague bem menos que algum tempo atrás. O preço vai depender do tipo e do tamanho da piscina que escolher. A evolução tecnológica trouxe novos materiais - o vinil e a fibra de vidro, por exemplo - que podem reduzir em até 70% o custo do produto. Além disso, ainda foram criadas facilidades de pagamento: é possível fazer financiamentos em até 12 prestações.

Apesar dos materiais, técnicas de construção, equipamentos e acessórios estarem tornando-se mais acessíveis, antes de pensar em construir a sua piscina, você não pode esquecer que esse tipo de lazer exige cuidados e tratamentos. Porém, nada disso é complicado se todas as precausões forem tomadas com antecedência. Para isso, é importante escolher profissionais gabaritados que possam orientá-lo.

Por onde começar

Primeiro passo: Contrate um arquiteto para elaborar o projeto. É nele que se define as instalações elétrica e hidráulica e a iluminação da piscina. Não vá deixar que qualquer pedreiro se aventure a construir a sua área de lazer. Cada detalhe precisa ser bem elaborado e estudado, para que problemas mais sérios não aconteçam e você tenha prejuízos ao invés de descanso. O profissional vai desenhar a piscina de acordo com o modelo arquitetônico da sua casa e, se for caso, até oferecer sugestões. Tome o cuidado de verificar se o arquiteto possui o registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA).

Segundo passo: Escolha uma empresa adequada. As empresas de engenharia são responsáveis em executar o projeto idealizado pelo arquiteto. É importante que você verifique se a que escolheu tem bons antecedentes e é bem vista no mercado. Peça que os responsáveis façam uma visita ao local onde será construída a piscina e solicite um orçamento.

Terceiro passo: Pesquise o preço das piscinas. Com o projeto em mãos e a idéia do tipo de piscina que você vai construir, comece a pesquisa de preços para a compra dos materiais. Veja se é vantagem comprar tudo em um único local ou se é melhor selecionar os lugares mais baratos. Não se precipite.

Quarto passo: Acompanhe a construção. Não precisa ficar o tempo todo ao lado dos trabalhadores da obra, mas a supervisão, de vez em quando, é recomendável para que tudo esteja saindo da forma que imaginou. Se não tiver o tempo disponível, não tem problema. O fato de ter contratado um engenheiro de confiança vai ser imprescindível nessa hora.

O que se deve levar em conta

Espaço disponível para a instalação: Você não pode esquecer que o espaço deve incluir, além da piscina, uma área de lazer ao redor, mesmo que pequena. Uma regra simples para saber qual o tamanho ideal do terreno é multiplicar a área da piscina por dois. Assim, uma piscina de 6m x 4m, ou 24m2, precisa de um terreno com, no mínimo, 48m2 - o dobro da sua medida.

Profundidade: Já não se recomenda a construção de piscinas muito fundas. A profundidade ideal fica entre 1,30 e 1,40m na parte mais funda, suficiente para permitir a prática de natação. Na prainha, parte mais rasa, indicada para as crianças e para o descanso dos adultos, a medida vai de 0,40 a 0,50m.

Onde está o sol: Preste atenção nesse detalhe. Não adianta investir na construção da piscina e colocá-la em um espaço onde o sol não apareça. Escolha o local mais apropriado.

Características do solo: Tome muito cuidado para não ter prejuízo. As características do solo são decisivas para quem pretende construir uma piscina. Para evitar problemas, procure um documento chamado sondagem do subsolo. Ele revela as camadas do terreno e suas características. Caso você não tenha esse documento, peça ao engenheiro para verificar que tipo de solo é o seu terreno.

Paisagismo: Não é aconselhável construir a piscina em locais que possuam pinheiros, eucaliptos e árvores futíferas (elas soltam folhas com frequência). Procure locais mais abertos e peça a ajuda de um paisagista para decorar o espaço.

Acessórios

Decoração: Se você quiser, pode incrementar ainda mais o seu projeto. Para isso, existem uma variedade de opções como pastilhas de vidro, pastilhas cerâmicas e azulejos - materiais clássicos para o revestimento interno. Se preferir, a decoração pode ser feita ainda nas bordas da piscina.

Hidromassagem: O preço destes equipamentos varia de acordo com o tamanho da piscina e do projeto. A hidromassagem pode ser instalada separadamente ou no filtro da piscina, tudo depende da escolha.

Raia para natação: Essa opção serve para quem quer ter uma piscina específica para a natação. As raias podem ser de concreto, alvenaria estrutural ou argamassa armada, em medidas que costumam variar entre três opções: 25m x 4m para terrenos grandes, 20m x 4m para terrenos médios e 12m x 4m para áreas menores.

Aquecedor: Os aquecedores prolongam o uso da piscina durante todo o ano, a qualquer hora, em qualquer estação.


Concreto, vinil ou fibra de vidro?

Concreto

Os modelos desse material chegam a custar até três vezes mais que os outros e levam mais tempo para ser construídos. Mas, em compensação, podem ter a forma e o tamanho desejados. A durabilidade é por tempo indeterminado. Porém, se não for construída adequadamente, os reparos são mais caros e complicados. Seu prazo médio de instalação é de, no mínimo, 45 dias.


Vinil

Com base de alvenaria e revestida por um filme de PVC com espessura que varia de 0,6mm a 0,8mm, a piscina de vinil, também pode ser feita no formato e tamanho que o proprietário quiser. Por outro lado, esse tipo de revestimento está sujeito a cortes acidentais, causados por objetos pontiagudos. Com os devidos cuidados e manutenção ela dura até 10 anos.


Fibra de vidro

Mais barato e mais rápido de instalar, esse tipo possui algumas restrições de formato e transporte. Os modelos e tamanhos são pré-definidos pelo fabricante e a instalação torna-se inviável em terrenos ou locais de difícil acesso, como coberturas de edifícios. O prazo médio de instalação é de 7 a 10 dias.



Quanto custa

Uma piscina de fibra de vidro de 4m x 8m com 1,30m de profundidade sai por volta de R$ 6 mil*, incluindo o custo do material de construção (necessário para a base de sustentação, feita em alvenaria de bloco de concreto). Já a piscina de vinil, de mesmo tamanho e profundidade, sai um pouco mais cara: sem contar o material que acrescenta cerca de R$ 1.500* ao preço, ela custa entre R$ 4.200* e R$ 4.700*, dependendo da espessura do vinil. A mesma piscina, feita em concreto, pode custar até R$ 16 mil*.

Fontes: Revista Arquitetura e Construção

*Valores consultados na Revista Arquitetura e Contrução no ano de 2002

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.

José Augusto Laueano De Sousa Laureano: ainda é um sonho,mais vou realizar!!!

Ponto das Piscinas: Muito legal essa postagem acredito que tirou a duvida de muita gente, quer saber mais sobre piscinas visite nosso site ou blog, peça também o orçamento da sua piscina...

Aldo Alves: aminha`````logo`````logo````````ta````````pronta```````em

Mara Silva: eu quero construir a minha o mas rápido possível.

Rogerio Vieira: vou fazer a minha logo logo nao suporto calor

Anderson Atanabi: A.Atanabi Empreiteira , Construímos para você 77077525 ID.117*54932 faça um orçamento se compromisso.

Keli Cristina: onde esta uma piscina de fibra de vidro 4x8 por 6 mil?se souber me avise

Heloisa Portella: boa tarde quero fazer uma piscina de ajulejo,ja tenho a mao d obra gostaria de saber quanto eu gastaria de material ...ela vai medir 3,70 de comprimento,1,64 de largura e 80 cm de altura

Tamara Cristina: legal to doida para ter a minha

Marcim Oliveira: eu vou construir um, valeu a dica