Mulher

Soupla de pátina francesa Decore sua mesa com sofisticação usando utensílios da moda

Renata Solano
*Colaboração
31/08/2007
Leia também:

Se você é daquelas que sempre achou que pátina era só para pintores, está enganada. A seção artesanato desse mês vai ensinar a técnica de pátina francesa com decupagem de guardanapo.

Com pouco investimento você faz um soupla (apoio de prato) sofisticado e elegante. E ainda deixa sua mesa nas boas normas de etiqueta. Nos últimos tempos, o trabalho com madeira (MDF) tem ganhado visibilidade e aceitação do público. Francisco Moreira (foto no vídeo ao lado), mais conhecido como Chiquinho é instrutor de pintura em MDF e diz que trabalha com arte desde criança, por isso, tudo o que sabe, aprendeu na prática.

O artesão relata que muitos de seus alunos vêm por indicação médica, porque é muito comum especialistas indicarem o artesanato como tratamento terapêutico. Além de tratamento terapêutico, muitas pessoas procuram o artesanato para decorar suas casas com objetos que seguem a tendência atual, para ter um hobby (para passar o tempo), ou para aumentar a renda no final do mês. Seja qual for o seu motivo, aventure-se.

Anote os materiais que você vai precisar:

  • tinta látex branca;
  • tinta látex marrom;
  • cola gel;
  • verniz geral;
  • 1 guardanapo importado para decupagem;
  • lixa 180
  • lixa 60
  • pincel 413 número 18
  • pincel 484 número 20 ou 22
  • pincel 410 número 14
  • vela (parafina comum)
Curiosidades sobre o MDF

O Medium-density fiberboard, mais conhecido como MDF nasceu nos Estados Unidos na década de 60. No Brasil, a primeira produção aconteceu em 1997 e, desde então, a aplicação desse material tem acontecido desde o artesanato até a construção civil.

A principal matéria-prima utilizada para a produção de MDF é a madeira, que no Brasil é obtida através das plantações de pinheiros. As fibras dessa árvore proporcionam uma chapa de cor clara, mais valorizada pelo mercado.

O MDF é usado, geralmente, na confecção de móveis, como em pés de mesa, caixas de som, fundos de gaveta e tampos de mesa. Por possuir a consistência e algumas características que se aproximam às da madeira maciça, o MDF também é utilizado na construção civil na fabricação de pisos finos, rodapés, almofadas de portas e divisórias.

Na elaboração de artes gráficas, a utilização do MDF como molde para o corte dos materiais gráficos possibilitou, o desenvolvimento de novas possibilidades de design, elaborando panfletos e folderes mais sofisticados e criativos. E como vimos, na matéria principal, o MDF é usado também no artesanato. Seja na produção de uma caixa mais simples ou até na confecção de abajures. O importante mesmo é ter criatividade e colocar a mão na massa.


*Renata Solano é estudante de Jornalismo da UFJF

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.