• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Quarta-feira, 23 de março de 2016, atualizada às 12h

    Mulher sofre sequestro relâmpago no bairro Bom Pastor e perde R$ 4 mil

    Uma mulher, de 42 anos, sofreu sequestro relâmpago na tarde da última terça-feira, 22 de março, no bairro Bom Pastor. A vítima ficou sob domínio dos sequestrados por 45 minutos e chegou a sacar R$ 4 mil. Conforme o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), a mulher estacionou seu Honda City marrom na rua Cristóvão Malta, ao lado do Clube Bom Pastor, por volta das 15h15, quando um jovem armado com arma de fogo a abordou e mandou que fosse para o banco de trás do carro.

    A vítima contou aos policiais que o suspeito tomou a direção, enquanto outra adolescente também entrou no veículo no banco do carona. Eles começaram a rodar pela cidade com a vítima até encontrar um caixa eletrônico que fosse possível ela efetuar saques. No bairro Vitorino Braga, eles pararam em um posto de gasolina, onde a garota saiu com a vítima até um caixa 24 horas, que fica dentro da farmácia do posto, sendo retirado R$ 1 mil.

    Após a primeira parada, o suspeito mandou que a vítima deitasse no banco e colocasse uma tolha em seu rosto, quando entrou uma terceira pessoa do seu lado e que aparentava estar drogada. Logo depois, eles seguiram até o Terminal Rodoviário, em São Dimas, quando a adolescente saiu com a mulher mais uma vez até o caixa eletrônico, sendo sacado R$ 2 mil e depois mais R$ 1 mil. Enquanto elas retornavam para o veículo, a vítima conseguiu se desvencilhar e entrar na agência do INSS.

    A polícia conseguiu confirmar toda a ação dos bandidos na rodoviária através das imagens do sistema de segurança do local, mas como as imagens não estavam muito nítidas não foi possível identificar a mulher. Os bandidos não foram localizados até o momento.


    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.