PC identifica suspeitos de assalto a residência de casal de médicos no São Mateus

Na ocasião, um homem foi baleado ao reagir ao assalto, e uma mulher foi agredida com coronhadas

da Redação - 28/04/2021

A Polícia Civil identificou dois indivíduos suspeitos da tentativa de latrocínio contra a residência de um casal de médicos, de 58 e 59 anos, registrada na madrugada desta terça-feira, 27 de abril, no Bairro São Mateus, em Juiz de Fora.

Na ocasião, um homem foi baleado ao reagir ao assalto, e uma mulher foi agredida com coronhadas.

O caso foi apurado em menos de 24h. Segundo a nota, "policiais civis da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos realizaram ininterruptas diligências de apuração dos fatos, assim como operação, na data de ontem, para localização dos investigados. As ações continuam a fim de localizar os envolvidos.

Conforme informações da delegada Camila Miller, que responde interinamente pela unidade policial, os policiais civis já compareceram ao local dos fatos e diversas testemunhas foram entrevistadas. Após investigação, inclusive, com a análise de câmeras de monitoramento, os suspeitos foram identificados, sendo assim possível sua qualificação".

Entenda o caso

Investigações apontaram que os suspeitos não tinham como alvo a residência do médico. "As imagens demonstram que eles estariam  perambulando, inicialmente, pela região central da cidade, passando pelas ruas mais desertas e procurando algum alvo que fosse fácil para praticarem a subtração. Em diversos momentos, foram vistos espreitando veículos estacionados em via pública e observando prédios. Até que chegaram ao endereço da vítima", explica.

Apurações indicaram, ainda, que, antes de entrar residência da vítima, eles teriam passado por duas casas vizinhas, esperando uma oportunidade para subtrair algo de valor. Como encontraram ambas as residências fechadas, eles teriam ido até a casa da vítima, que se encontrava com uma das portas de acesso aberta. "Eles teriam chegado à residência da vítima pelos fundos e encontrado uma porta aberta, por onde entraram, procurando algo valioso. Então teriam ido até o segundo andar, no quarto do casa, e anunciado o assalto, momento em que o médico teria entrado em luta corporal com os criminosos, sendo alvejado por dois disparos - um na cabeça de raspão e outro na região abdominal. A esposa também teria tentado conter os suspeitos e foi agredida com coronhadas e chutes, apresentado lesões na cabeça e nas mãos”, informa, ressaltando que os trabalhos da Polícia Civil seguem em andamento.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.