• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura
    Sexta-feira, 15 de outubro de 2010, atualizada às 15h17

    Animação juizforana é única brasileira concorrendo em festival argentino

    Clecius Campos
    Repórter

    A animação Coisa de Pele do juizforano Acácio Alves (Cacinho) é a única brasileira a concorrer no Festival Internacional de Cinema Independente de La Plata, cidade da Argentina. O curta de dois minutos e seis segundos é uma animação metamórfica, em que os desenhos vão mudando de acordo com o que diz a narração. A mostra competitiva começa neste sábado, 15 de outubro, e vai até o dia 24.

    O texto é um poema escrito pelo irmão mais novo de Cacinho, Elcio Tuiribebi, e embalado por uma canção do irmão mais velho, Edu Toribe. A adaptação para o espanhol, que compõe a legenda do filme, foi feita pela cunhada, que é argentina. "É uma produção em família, que fala sobre as diversas formas de amar." A narração é feita por Jamila Zgiet, que Cacinho conhece há dez anos pela internet, mas nunca a viu pessoalmente. "Quando ela soube do poema e que faria a animação, pediu para gravar e acabei acrescentando no filme."

    O filme participou de uma mostra paralela no Festival Callo Verde, também argentino, de temática sexual. "A partir dessa exposição, fui convidado para participar do festival em La Plata. A expectativa é de estar ali no meio, solidificando minha carreira e mostrando o meu trabalho." Coisa de Pele concorre com outras 16 produções. A maioria delas é argentina, mas há também contribuições de cineastas da Venezuela, da Espanha, dos Estados Unidos, da Rússia e de Portugal.

    Coisa de pele

    Pele que cede
    Que pede e não mede
    Que busca e repele
    A vontade que adere

    Pele que nua
    Tão minha e tão sua
    Que ataca e recua
    Que arde e jejua

    Pele que sente
    A fome da gente
    Desejo não mente
    Querer ser ardente

    Pele que aceita
    Que cerca e espreita
    Contorce e se deita
    Se cobre e deleita

    Pele é fornalha
    Esquenta e se iguala
    O tesão se espalha
    Na alma a navalha

    Participação em festivais
    • V LOCOMOTIVA – Festival de Nacional de Animação de Garibaldi/RS (prêmio ORIGINALIDADE) - 2010
    • VI Festival Internacional de Cine Independente de La Plata – FESTIFREAK – La Palta /Argentina – 2010
    • CALLO VERDE – 10º Festival de Cine de Tematica Sexual – Buenos Aires/Argentina - 2010
    •  IV SEM TABU – Festival Internacional de Animação e Educação Sexual –RJ – 2009
    •  FLIPORTO – Festa Literária Internacional de Porto de Galinhas/BA – III Prêmio Internacional de poesia ao Vídeo

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.