• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura
    Segunda-feira, 10 de dezembro de 2012, atualizada às 12h40

    Abertas as inscrições para 3º Concurso de Marchinhas Carnavalescas de JF

    Da Redação
    Carro alegórico

    A Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa) lançou, nesta segunda-feira, 10 de dezembro, o 3º Concurso de Marchinhas Carnavalescas de Juiz de Fora – Prêmio João Cardoso. As inscrições já estão abertas e podem participar da concorrência artistas, músicos e interessados em geral. Serão aceitas somente músicas na modalidade marchinha de carnaval tradicional, com canções inéditas e de temática livre.

    O edital e a ficha de inscrição estão disponíveis no site da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF). Os interessados em concorrer devem se dirigir ao Setor de Expediente da Funalfa, localizado na avenida Rio Branco 2.234, Parque Halfeld, de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h30 e das 14h30 às 17h30, até o dia 10 de janeiro de 2013. As inscrições são gratuitas.

    O concurso

    De acordo com a assessoria da Funalfa, cada autor pode inscrever até três músicas, de composição individual ou em parceria. É preciso entregar CD contendo a gravação da música inscrita, usando, no mínimo, voz e violão. Dentre as propostas inscritas, a comissão julgadora do concurso, formada por cinco avaliadores, vai selecionar 12 finalistas. A relação será divulgada até o dia 19 de janeiro de 2013.

    A etapa final do concurso acontece entre 30 de janeiro e 3 de fevereiro de 2013, em local a ser definido pela Funalfa. Na data escolhida, as composições finalistas serão interpretadas ao vivo para o público e o corpo de jurados. Serão distribuídos R$ 4.100 em prêmios, sendo: R$ 1.500 para o primeiro lugar e R$ 1.000 para o segundo classificado. O terceiro lugar e o melhor intérprete receberão R$ 800 cada.

    Lançado em 2011, o Concurso de Marchinhas Carnavalescas de Juiz de Fora tem como objetivo valorizar a música carnavalesca, seus compositores e intérpretes. Na primeira edição, foi prestada homenagem à carnavalesca Nancy de Carvalho. Já o ano seguinte, o sambista Synval Silva deu nome ao prêmio. Nesta terceira edição, o concurso recebe o nome de Prêmio João Cardoso, em referência ao carnavalesco juiz-forano que integrou a ala dos compositores da Escola de Samba Turunas do Riachuelo. Ao lado de Nelinho, foi um dos fundadores da extinta Escola de Samba e Grêmio Recreativo Unidos de Mariano.

    Os textos são revisados por Juliana França

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.