Terça-feira, 5 de agosto de 2014, atualizada às 17h30

Prometida para começar em abril, restauração do Cine-Theatro Central segue sem previsão

Lucas Soares
Repórter

As obras de restauração do Cine-Theatro Central, prometidas pelo pró-reitor de Cultura da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Gérson Guedes, em março deste ano, devem acontecer somente após a mudança de gestão na UFJF, quando Júlio Chebli assume a reitoria no lugar de Henrique Duque, a partir de 1º setembro.

Segundo Guedes, a greve dos servidores foi a causa do atraso no início da reforma, prevista anteriormente para começar em abril deste ano e terminar em agosto. "Nós tivemos a greve, que durou até julho, e provocou o atraso. Enquanto isso, nós compramos a ciclorama, providenciamos a troca das cortinas, e os materiais de prevenção de incêndio", comenta.

A restauração da reforma, como Gérson chama a obra que será feita, já está com a verba garantida. "Já foi feito uma pequena parte, perto do palco, onde estava pior, mas paramos para o Festival de Música Colonial. A verba já está garantida, mas temos que esperar a mudança de reitor, que pode trocar a equipe toda. Temos que ter o engenheiro e o arquiteto responsável da Pró-Reitoria de Infraestrutura para acompanhar o procedimento e encaixar a situação do restauro dentro da planilha de gastos. A obra vai acontecer, mas temos que esperar essa alteração para datar. As coisas que não dependem do restauro, como cortinas e outros itens, já estão sendo feitas", garante.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.