• Assinantes
  • Esporte
    Segunda-feira, 29 de março de 2010, atualizada às 16h37

    Marcos Hallack é terceiro em Fortaleza e se classifica para Mundial de Longa Distância na Alemanha

    Clecius Campos
    Repórter

    A Alemanha é o destino de Marcos Hallack em junho. O triatleta juizforano ganhou a vaga para o Mundial de Triathlon de Longa Distância no último sábado, 27 de março, quando conseguiu a terceira colocação na primeira etapa do Campeonato Brasileiro da modalidade, realizado em Fortaleza.

    "Este foi meu melhor resultado em competições nacionais. Além disso, cumpri o objetivo de conquistar a vaga para Alemanha. A prova foi muito dura, principalmente por causa do calor e da longa distância. Comecei a prova às 7 horas da manhã e a completei em 4 horas, 29 minutos e 38 segundos." Hallack percorreu 3 quilômetros de natação, 80 quilômetros de bicicleta e 20 quilômetros de corrida.

    O triatleta ficou atrás do curitibano Guilherme Valenza Manocchio (4 horas, 13 minutos e 27 segundos) e do carioca Raul Furtado Pereira (4 horas, 18 minutos e 15 segundos). Ambos são atletas especializados em provas de longa distância. "O Manocchio busca seu tetracampeonato no Brasileiro de Longa Distância e é mesmo o favorito. Já Furtado foi por duas vezes o brasileiro melhor colocado no Iron Man e teve o menor tempo na bicicleta." O bom resultado anima Hallack a disputar a segunda etapa da competição. "O foco era conseguir a vaga para a Alemanha, mas como estou com boa pontuação [75 pontos] vou aproveitar para ficar bem colocado no ranking."

    Os esforços estão longe de terminar. No próximo domingo, 4 de abril, Hallack disputa a segunda etapa da Copa Pan-Americana de Triathlon, no Peru. O triatleta viaja para Lima nesta quarta-feira, 31. "Vou tentar descansar, me alimentar bem e dormir para repor a energia desgastada. Estou motivado e confiante, apesar das dificuldades." A previsão do tempo indica que a temperatura deve ficar perto dos 11º C, na capital peruana. Hallack afirma que vai procurar nadar um pouco com a roupa de borracha que será usada na natação, para se adaptar melhor. "Vejo a roupa como uma condição favorável, já que ela permite que os atletas nadem em pé de igualdade."

    Além de Hallack, outros 11 brasileiros vão para o Peru disputar a prova: Mauro Cavanha, Felipe Manente, Bruno Matheus, Raphael Santos, Marcus Fernandes, Rafael Fonseca, Paulo Roberto Maciel, Wesley Matos, Adriano Sacchetto, Marcos Hallack, Diogo Sclebin, Kelmerson Buck e Henrique Siqueira. Segundo Hallack, o grupo é formado pelos melhores atletas do ranking brasileiro. "A prova vai ser disputada, mas a intenção é conseguir uma boa colocação, aliada a um bom tempo, para poder somar pontos no ranking mundial."

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.