Quarta-feira, 7 de março de 2012, atualizada às 11h

Dia Mundial do Rim será comemorado com campanha educativa em JF

Nathália Carvalho
Colaboração*
atendimento para prevenção de doença renal

Nesta quinta-feira, 8 de março, é comemorado o Dia Mundial do Rim. Em Juiz de Fora será realizada a campanha "Rins em defesa da vida", que contará com uma série de ações de combate e prevenção à doença renal crônica (DCR). O objetivo é alertar sobre a importância do diagnóstico precoce, esclarecer aspectos sobre a doença e chamar a atenção dos órgãos governamentais.

De acordo com a Fundação Instituto Mineiro de Estudos e Pesquisas em Nefrologia (Imepen), os principais fatores de risco para a DRC são a hipertensão arterial, a diabetes mellitus, o sobrepeso, o tabagismo, a idade acima de 50 anos e o histórico familiar ou pessoal de algum tipo de doença.

Para a realização do evento, será montada uma tenda na Praça da Estação, onde cerca de 100 profissionais e acadêmicos das áreas de enfermagem, medicina, odontologia, serviço social, psicologia, farmácia, nutrição e educação física vão fazer atendimentos e dar orientações. Serão realizados testes gratuitos de urina, glicemia, aferição da pressão arterial, cálculo de índice de massa corpórea (IMC), além de orientações sobre direitos sociais, saúde bucal, medicação correta, estresse, alimentação ideal e atividade física. As senhas para atendimento serão distribuídas a partir das 8h e serão entregues, ainda, kits com folhetos educativos e frutas.

A campanha conta também com um estande para distribuição de kits educativos, que será montado no Campus da UFJF entre os dias 8 e 9. A Liga Pré-renal da UFJF dará orientações sobre a DRC.

Durante a realização do evento, o monumento ao Cristo Redentor, localizado no Morro do Imperador, receberá uma iluminação especial com a cor azul, símbolo da campanha neste ano.

O evento é promovido pela Fundação Instituto Mineiro de estudos e Pesquisas em Nefrologia (Imepen), pelo Centro Hiperdia de Atenção Secundária em Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus de Juiz de fora e pela Liga Pré Renal da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e tem o apoio da Sociedade Brasileira de Nefrologia, UFJF e Secretaria Municipal de Saúde de Juiz de Fora.

*Nathália Carvalho é estudante do 8º período de Comunicação Social da UFJF

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.