Ter?a-feira, 02 de outubro de 2007, atualizada ?s 18h13

N?mero de casos de dengue chega a mais de 300 em Juiz de Fora


Priscila Magalh?es
Rep?rter

Desde o in?cio do ano, 543 casos de dengue foram notificados em Juiz de Fora. Deste n?mero, 312 casos de residentes na cidade foram confirmados, de acordo com dados da Secretaria Municipal de Sa?de.

O m?dico epidemiologista da Ger?ncia Regional de Sa?de (GRS) Paulo Tavares, diz que a situa??o ? preocupante. "Estamos em um per?odo de estiagem h? quatro meses e mesmo assim, temos muitos casos da doen?a, cerca de sete por semana. Como vai ser quando chegar o ver?o e o per?odo de chuvas? ? nessa ?poca que o mosquito se reproduz com mais facilidade, usando a ?gua limpa das chuvas", alerta o m?dico.

Segundo Paulo, o mosquito tem procriado em espa?os p?blicos e nos chamados pontos estrat?gicos. "Estes pontos s?o as borracharias, ferro velho e locais onde sucatas s?o guardadas. Entre os espa?os p?blicos est?o as rodovi?rias, esta?es ferrovi?rias e os cemit?rios. Por isso, o poder p?blico precisa agir de forma mais intensa, com inspe??o peri?dica a cada 15 dias", explica.

Mas o m?dico tamb?m chama a popula??o a cuidar dos locais onde moram. "Se cada um cuidasse de sua casa, n?o ter?amos a dengue. As pessoas devem verificar semanalmente se a caixa d'?gua est? tampada, se as calhas n?o est?o entupidas e se n?o existe qualquer recipiente onde possa acumular ?gua". O m?dico completa dizendo que o mosquito procria em qualquer ?gua limpa que estiver parada. "Desde casca de ovo at? caixa d'?gua destampada s?o ambientes para o mosquito se reproduzir".

Sintomas

De acordo com o epidemiologista, os principais sintomas da dengue se parecem com o da gripe. "Muita dor de cabe?a localizada atr?s do globo ocular, dor nas juntas, e nos m?sculos".

Ele lembra que ? importante n?o ingerir alguns tipos de medicamentos em caso de suspeita de dengue. "Nunca tomar rem?dios que com ?cido acetil salic?lico (AAS). ? melhor a dipirona", alerta.