Juiz de Fora - MG

Terça-feira, 03 de junho de 2008, atualizada às 17h

Justiça eleitoral possui mais de R$ 250 mil para receber de multa aplicada nas eleições de 2004 e 2006



Daniele Gruppi
Repórter

Candidatos que fizeram propaganda irregular nas eleições de 2004 e 2006 estão em débito com a justiça eleitoral. Segundo o chefe do cartório da zona 154º, André Luiz Faria, os processos ainda estão em andamento, mas o valor das multas somariam cerca de R$ 250.242.

Faria afirma que são sete processos, e que destes três estão em dívida ativa, ou seja, como não foram pagos pelos políticos no cartório, o processo foi encaminhado para a Procuradoria.

O chefe do cartório diz ainda que o valor é destinado para o Fundo Partidário, ou seja, é repassado para distribuição entre as legendas. Na Zona 315º, a informação é de que a única multa aplicada no período ao candidato, teve recurso e o parecer da Justiça foi favorável ao político.

Na 152º, não há registros de aplicação de penalidades, já que não atuava com propaganda eleitoral, assim, como não existe na 349º, criada para funcionar nas eleições deste ano. Na 315º, não houve multas aplicadas nas eleições de 2006, e até o fechamento desta nota ainda não tinha sido levantado as de 2004.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.