Eduarda Guerra Eduarda Guerra 14/11/2014

Paraty: para mim, para você, para todos nós

ParatyNão há uma data precisa para o ano de fundação do município de Paraty, localizado no estado do Rio de Janeiro. Alguns historiadores dizem que Paraty foi fundada em 1540, outros dizem que foi fundada em 1560 ou 1597. Muito antiga, ela foi o habitat de índios guaianeses e de uma população crescente de "paratianos" que foram para lá no início do século XVII.

Um fato interessante foi a sua separação de Angra dos Reis, em 1960, quando a população se rebelou exigindo a elevação do povoado de Paraty a Vila. Essa foi a primeira cidade brasileira a ter autonomia política decidida por escolha popular. Além disso, durante o período colonial brasileiro (1530-1815), Paraty foi a sede do mais importante porto exportador de ouro do Brasil.

Para os mineiros, Paraty lembra a cidade de Tiradentes, por causa do estilo arquitetônico das casas antigas e das ruas e vielas compostas por grandes pedras. Porém, na cidade carioca é comum encontrar suas ruas inundadas pela maré, uma vez que a cidade localiza-se quase que ao nível do mar.

Da última vez que estive por lá, tive a sorte de presenciar a exibição do Festival Internacional de Cinema. Meu contentamento era tão grande, que nem a chuva atrapalhava o meu dia. Em tempos de festival, Paraty fica sempre cheia de turistas de todos os cantos do mundo. O que é muito bom para discutir sobre arte, cultura e política.

Apesar da diferença cultural das pessoas que fazem parte da cidade, tanto em períodos de alta ou baixa temporada, Paraty é um local feito para todos os gostos, agradando dos mais eruditos aos mais modestos. Uma cidade alegre, bonita e colorida. Foi feita para mim, para você e para todos que possuem sede de cultura e fome de novidade!


Eduarda Guerra é jornalista, amante da natureza e apreciadora de bons vinhos, livros e esportes ao ar livre. Com sua mochila inseparável, adora conhecer novos lugares e pessoas de culturas diferentes.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.