• Assinantes
  • Autenticação
  • Animais

    Comida no pote, não!

    Isabela Micherif Isabela Micherif 10/08/2019

    Você sabia que além da importância de oferecer uma alimentação saudável para o seu cão, é importante saber como oferecer os alimentos?

    Como já dissemos muitas vezes aqui, consideramos que a alimentação natural é a dieta mais saudável para o seu peludo e a que mais se aproxima do que ele comeria caso estivesse na natureza. O alimento que você oferece ao seu cão tem o poder de transformar a vida do seu melhor amigo. A alimentação natural balanceada proporciona qualidade de vida, saúde e longevidade para o seu pet.

    Mas além de mudar o alimento que seu cão consome, você pode mudar a maneira como ele consome, tornando o momento das refeições ainda mais saudável.

    A forma como você disponibiliza o alimento para o seu cão pode interferir no bem-estar, no comportamento e, portanto, na qualidade de vida do seu melhor amigo. Sendo assim, todas as dicas de hoje valem, também, para os cães que ainda comem ração.

    Primeiramente, vamos falar de enriquecimento ambiental. Você sabe o que significa?

    O enriquecimento ambiental surgiu nos zoológicos como forma de promover um ambiente com estímulos adequados para que os animais tenham a oportunidade de desenvolver comportamentos mais próximos ao natural. Para tanto, fez-se necessário conhecer o habitat natural de cada animal cativo, sua fisiologia, bem como seus comportamentos típicos.

    Animais cativos, sem os estímulos adequados, podem desenvolver comportamentos estereotipados, como movimentos repetitivos, andar de um lado para o outro e até automutilação. Esse tipo de comportamento, fruto do estresse e da frustração, também pode acometer os cães, que passam a apresentar lambedura excessiva, perseguir o próprio rabo, latidos excessivos, dentre outros comportamentos indesejados.

    E como o momento da refeição pode influenciar positivamente no comportamento e bem-estar do seu peludo?

    Justamente através do enriquecimento ambiental! Ou seja, você precisa conhecer o seu cão para, assim, atender às suas necessidades.

    Cães precisam drenar energia física e, também, energia mental!

    Os cães são descendentes dos lobos e ainda guardam muitas necessidades dos seus ancestrais (não esqueça que isso vale, também, para os cães pequenininhos e fofinhos). Portanto, a facilidade com que sempre recebem o alimento pode não ser boa para eles. A ideia é fazer com que  tenham que procurar o alimento ou tenham que se esforçar para consegui-lo, o que remete ao instinto de caçar.

    Existem no mercado, atualmente, uma série de brinquedos recheáveis, que podem ser utilizados tanto por cães que fazem uso da alimentação natural, como por aqueles que sejam adeptos da ração (bolinhas, Kongs, bonequinhas recheáveis, chifres de boi, etc). Já existem até jogos (tipo jogos de tabuleiro), com diferentes níveis de dificuldade.

    Mas também é possível fazer várias adaptações caseiras. Quer um exemplo? Faça furos em uma garrafa pet e recheie com petiscos ou com a comida do seu cão (alimentos secos). Ele terá que girar a garrafa para que o alimento saia pelos furos. Caso você nunca tenha oferecido alimentos dessa forma, mostre a ele como funciona. Outra opção é espalhar vários potinhos pelos cantos da casa e o cão terá que utilizar o faro para encontrá-los.

    Cartela de ovos recheada com petiscos e amarrada nas laterais, para aumentar a dificuldade
    Garrafas pet furadas e recheadas com petiscos

    Você pode aumentar a dificuldade a medida que a brincadeira ficar fácil para o seu peludo, mas cuidado para não dificultar demais e frustrá-lo. Procure variar, vá revezando os jogos, assim serão sempre novos desafios.

    Essas “brincadeiras” são muito bem-vindas para cães ansiosos, aqueles que devoram a comida em menos de um minuto. A ansiedade é negativa sob vários aspectos, notadamente, no momento das refeições. Cães ansiosos, que comem muito rápido, estão mais sujeitos à torção gástrica – evento que pode ser fatal.

    Pense em maneiras de fazer com que seu cão coma mais devagar e gaste energia para obter o alimento: comedouros lentos, tapetes de enriquecimento ambiental. As opções são muitas! Se você não quer ou não pode investir nesses itens, coloque sua criatividade para funcionar!

    Aqui vão mais duas ideias de como fazer seu cão comer devagar e gastar energia mental:

    Cartela de ovos recheada com alimentação natural (o cão come mais devagar). A tampa da cartela pode ser colocada por cima, para aumentar a dificuldade
    Chifres de boi recheados com alimentação natural

    Pequenas adaptações na rotina podem proporcionar uma mudança enorme na qualidade de vida do seu pet. Uma rotina que inclua alimentação de qualidade, aliada a passeios e desafios mentais, sem dúvida é capaz de mudar a saúde física e mental do seu animal, proporcionando, inclusive, um convívio muito mais saudável e prazeroso com o tutor.

    Você tem considerado as necessidades do seu cão nesse convívio? Vamos refletir e agir? Seu cão depende de você para ter uma vida melhor!

    Enviem suas dúvidas, críticas e sugestões para que possamos aprimorar nosso conteúdo.

    Isabela Micherif
    é graduada em Direito, pós-graduada em Direito Público, trabalhou por dez anos na área de Direito Ambiental, sendo cinco na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMAD) e cinco como assessora no Ministério Público de Minas Gerais. Depois desde período, deixou o trabalho no escritório para levar mais saúde e qualidade de vida a cães e gatos, por meio da alimentação natural. É proprietária e pet chef na empresa Cozinha Pet – alimentação natural para cães e gatos.

    Os autores dos artigos assumem inteira responsabilidade pelo conteúdo dos textos de sua autoria. A opinião dos autores não necessariamente expressa a linha editorial e a visão do Portal ACESSA.com

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.